Home Blog Análise preditiva: entenda como descobrir tendências do mercado!

Análise preditiva: entenda como descobrir tendências do mercado!

analise de mercado 3

Os negócios que utilizam a análise preditiva possuem a habilidade para prever cenários e tendências dentro e fora do mercado. Com isso, a empresa alcança uma maior vantagem competitiva e, consequentemente, um grande aumento em sua lucratividade.

No entanto, antes de prever ações através com a análise preditiva, é preciso saber interpretar todas as informações por ela oferecidas.

Mas o que é uma análise preditiva?

analise-preditiva

A análise preditiva nada mais é que a interpretação de dados, algoritmos e técnicas de machine learning. Com ela, torna-se possível a identificação de padrões e tendências, fazendo com que empresas consigam estar um passo à frente da concorrência.

Essa análise de dados foi desenvolvida após o surgimento de estratégias que possibilitam às empresas a obtenção de dados, como:

  • Engajamento dos usuários;
  • Perfil profissional do cliente;
  • Atividade do usuário;
  • Resultados alcançados pelos clientes;
  • Percepção de valor da marca;
  • Expectativas dos consumidores.

Com essas informações, fica mais fácil para as empresas descobrirem quais as suas estratégias mais eficazes e corrigir possíveis erros.

Assim, melhorando sua atuação no mercado e satisfazendo seus clientes.

Qual a importância da análise preditiva?

As organizações que escolhem por fazer análise preditiva conseguem aproveitar oportunidades imperceptíveis para suas concorrentes.

Isso porque o processo de análise de dados permite ao empresário prever sua base e, a partir disso, criar ou modificar estratégias.

Assim, conseguindo oferecer produtos e serviços de acordo com as expectativas do seu público-alvo.

Tudo isso melhora consideravelmente o relacionamento com o cliente e ajuda na maximização dos resultados da empresa.

E o que há de melhor para uma empresa do que ser considerada uma Lovemark, ou seja, uma “marca amada” e com fãs (defensores).

Como fazer a análise preditiva dentro das empresas?

O processo de análise preditiva passa por diferentes estágios dentro do negócio. Por isso,vale a pena entender como cada um deles funcionam.

Coleta de dados

O primeiro passo do business analytics é justamente aquele em que as empresas possuem mais dificuldade. Isso acontece, pois para que a coleta de dados seja feita, é preciso utilizar alguns softwares e ferramentas.

Uma boa forma de fazer isso de forma eficiente é buscando por profissionais experientes, tanto no mercado quanto no formato da empresa.

Assim, ficará mais fácil interpretar todas as informações e obter as respostas necessárias para a melhoria das ações da empresa.

Análise de dados

Os dados obtidos pela análise preditiva só são úteis se forem bem interpretados.

Para isso, é preciso um profissional com bom conhecimento estatístico para a observação dos dados. Isso pode ser feito de duas formas diferentes:

  • Análise descritiva: descrevendo os dados obtidos e criando medidas de variação e dispersão de tráfego;
  • Estatística inferencial: estudando um grupo específico e tirando conclusões sobre um grupo maior.

Por exemplo:

Após o período de implementação de uma campanha, vale a pena analisar o tráfego no site da empresa.

Caso ele tenha aumentado, percebe-se que a campanha foi um sucesso. Já se o volume tiver se mantido ou até diminuído, é hora de repensar a estratégia de marketing utilizada.

Organização dos dados

Após obter os dados de interesse da empresa, chega o momento de estruturá-los para que assim, toda a equipe possa observá-los. Para isso, podem ser utilizadas planilhas, como no caso do Excel.

Nesse momento, devem ser divididas as informações sobre cada setor, além das estratégias desenvolvidas sobre cada uma delas.

Ao fazer com que o time da empresa tenha acesso a esses dados, você oferece a oportunidade de criação coletiva de soluções.

Monitoramento de dados

Após realizar todos os passos anteriores, não se esqueça de continuar acompanhando periodicamente os dados coletados.

Na verdade, esse é o momento mais importante para a análise preditiva.

Isso porque, a partir dos períodos seguintes, as informações obtidas demonstrarão os resultados das novas estratégias criadas.

Quais os benefícios oferecidos pela análise preditiva?

Existem diversas vantagens relacionadas ao uso da análise preditiva pelas empresas.

Na relação com os clientes, ela permite a antecipação de suas necessidades. Assim, oferecendo à empresa a oportunidade de agradá-los da forma mais eficiente.

Já para as finanças da empresa, auxilia na redução de custos com esforços humanos e contratação de empresas terceirizadas. Possibilitando, dessa maneira, que as informações coletadas sejam interpretadas de maneira simples e automática.

Além disso, devemos lembrar que com a identificação de padrões e tendências de mercado, a empresa consegue se diferenciar no mercado.

Isso porque, ao observar o crescimento do consumo de determinado produto em certo local, ela pode direcionar suas ações de maneira eficaz.

Dessa forma, melhorando o relacionamento com o cliente e potencializando suas estratégias de venda.

Por isso, vale a pena implementar a análise preditiva no seu negócio e começar a entender mais sobre sua área de atuação. Acompanhe a nossa carta do fundador, com conteúdos diários e gratuitos!

Escrito por

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Compartilhe conosco suas experiências

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *