Home Blog BIDI11: entenda tudo sobre as ações do Banco Inter!

BIDI11: entenda tudo sobre as ações do Banco Inter!

bidi11

O Banco Inter (BIDI11) direciona suas atividades para operações bancárias de crédito, investimentos e câmbios, além de atuar em todos os municípios brasileiros que possuam mais de 50 mil habitantes.

As ações do Banco Inter (BIDI11) compõem a bolsa de valores brasileira, ou seja, B3 (Brasil, Bolsa e Balcão) e podem ser negociadas por investidores que analisam e enxergam no setor bancário, oportunidades rentáveis de investimentos.

O que é o Banco Inter (BIDI11)?

O Banco Inter (BIDI11) centraliza suas atividades em produtos bancários, visando oferecer seus serviços por meios digitais. A empresa é brasileira e pode ser considerada um dos primeiros bancos 100% digitais do Brasil, além disso, suas ações são negociadas na B3 (Brasil, Bolsa e Balcão) mediante a utilização do ticker BIDI11.

Em resumo, o Banco Inter age no setor bancário, desde o ano de 1994, através da disponibilização de contas digitais. A companhia possui mais de 702.947.730 milhões de ações, sendo 61,19% destas em free float.

Além do Banco Inter, outras companhias direcionam seus serviços bancários para os meios digitais, dentre elas está o Itaú Unibanco (ITUB4) e o Banco Bradesco (BBDC4):

  1. Itaú Unibanco: a empresa atua como um dos maiores bancos brasileiros, sendo detentora de mais de 4.700 mil agências bancárias. Além disso, a empresa oferece um atendimento online, através do Itaú Uniclass Digital, buscando ofertar maiores comodidades aos clientes da companhia;
  2. Banco Bradesco: a companhia centraliza suas atividades no setor bancário privado do Brasil, possuindo mais de 75 milhões de clientes e, em média, 4,6 mil agências. Além do mais, o Banco oferece o serviço “Bradesco Internet Banking” uma agência personalizada que permite a realização de variados serviços de forma online.

Dessa forma, diante da importância do Banco Inter (BIDI11) para o mercado financeiro e sua participação na bolsa de valores, se torna relevante compreender sua história e seu modelo de negócio.

Assim, através de informações adquiridas, os investimentos poderão ser realizados de maneira prudente e efetiva.

História do Banco Inter (BIDI11)

No ano de 1994, o Banco Inter foi fundado em Belo Horizonte-MG, na época a instituição era denominada de Intermedium Financeira e pertencia ao grupo econômico MRV Engenharia S.A.

Foi em 1999, que a companhia iniciou suas operações de Crédito Empresas e, logo após, em 2001, deu-se início aos serviços de Crédito Consignado.

Além disso, no ano de 2002, a empresa deixou de pertencer ao grupo econômico MRV Engenharia S.A.

Assim, em 2007, a empresa começou a integrar o segmento de Crédito Imobiliário.

Posteriormente, em 2008, o Banco Central permitiu a licença de banco múltiplo ao Banco Inter.

Em 2012, o Banco Inter iniciou a composição do Grupo Inter com a Inter Seguros, dando início a oferta de variados serviços de seguros aos seus clientes.

No ano de 2013, a Inter DTVM, plataforma de investimentos, começa a integrar o Banco Inter.

Inovações do Banco Inter

Foi em 2015, que o Banco Inter disponibilizou sua Conta Digital, responsável pela iniciação da empresa no varejo bancário, assim, a companhia se firmou como o primeiro banco 100% digital do Brasil, ofertando uma conta corrente isenta de tarifas.

Assim, no ano de 2016, a companhia deu início a suas operações de câmbio e logo em seguida, desenvolveu um aplicativo para suas contas digitais, além do mais, ocorreu o lançamento de um cartão múltiplo da bandeira Mastercard.

Dessa forma, o Banco Inter encerrou o ano de 2016 com, em média, 80 mil clientes digitais.

Em 2017, houve um reposicionamento da empresa, mudando o nome de Intermedium Financeira, para Banco Inter.

Além do mais, em 2018, os servidores do Banco Inter migraram para a Amazon Web Services (AWS) começando a operar em nuvem.

Ainda em 2018, o Banco Inter realizou sua primeira oferta pública de ações (IPO) na bolsa de valores brasileira.

Desse modo, em 2019, a companhia firmou uma parceria com a Wiz Soluções, buscando atuar na comercialização de seguridade.

Além disso, no mesmo ano, o Banco Inter realizou uma oferta subsequente de ações, alcançando como investidor o grupo SoftBank.

Linha do tempo do Banco Inter (BIDI11)

  • 1994 – Fundação da Intermedium Financeira;
  • 1999 – Início das operações de Crédito Empresas;
  • 2001 – São iniciados os serviços de Crédito Consignado;
  • 2002 – A companhia deixa de integrar o grupo econômico MRV Engenharia S.A;
  • 2007 – Início da integração no segmento de Crédito Imobiliário;
  • 2008 – Banco Central efetua licença de banco múltiplo para o Banco Inter;
  • 2012 – A formação do Grupo Inter com a Inter Seguros é iniciada;
  • 2013 – A Inter DTVM começa a integrar o Banco Inter;
  • 2015 – O Banco Inter disponibiliza sua conta digital;
  • 2016 – As operações de câmbio são iniciadas, houve o desenvolvimento de um aplicativo para suas contas digitais e o lançamento do cartão múltiplo da bandeira Mastercard;
  • 2016 – A empresa encerra o ano com 80 mil clientes digitais;
  • 2017 – A companhia sofre um reposicionamento de marca e modifica o nome de Intermedium Financeira para Banco Inter;
  • 2018 – Servidores do Banco Inter migram para a Amazon Web Services;
  • 2018 – A primeira oferta pública de ações (IPO) da empresa é realizada;
  • 2019 – Parceria com a Wiz Soluções é firmada;
  • 2019 – O Banco Inter realiza uma oferta subsequente de ações e alcança o Grupo SoftBank como investidor.

Como atua o Banco Inter (BIDI11)?

O Banco Inter (BIDI11) é considerado pioneiro na disponibilização de contas 100% digitais.

Dessa maneira, a empresa possui presença em mais de 5380 cidades, lembrando que, a presença depende do acesso a internet, visto que, a companhia não possui agências físicas.

Além disso, o Banco Inter detém o número de mais de 1,5 milhões de correntistas, sendo que, 61% dos clientes possuem idade entre 18 e 36 anos.

Portanto, percebe-se que a empresa busca expandir o alcance de seus serviços em território nacional, além de buscar popularizar a companhia entre pessoas de variadas faixas etárias.

Características das ações do Banco Inter (BIDI11)

As ações do Banco Inter são negociadas na B3 (Bolsa, Brasil e Balcão) e possuem as seguintes características:

A classificação setorial do Banco Inter (BIDI11) mediante as informações disponibilizadas na B3 é: Financeiro, Intermediários Financeiros e Bancos.

Além disso, seu segmento de mercado na bolsa de valores é o Nível 2.

Suas ações oferecem Tag Along de 100% ON e 100%PN, além de free float de 61,19%.

O que faz o Banco Inter (BIDI11)?

A principal atividade do Banco Inter está relacionada a oferta de produtos bancários, através de meios digitais.

Dessa forma, dentre alguns serviços oferecidos, estão:

Em suma, observa-se que a companhia possui o intuito de oferecer serviços diversos e até mesmo inovadores para seus clientes.

As ações do Banco Inter (BIDI11): onde e como são negociadas?

O ticker do Banco Inter (BIDI11) é negociado na B3 (Brasil, Bolsa e Balcão) ou bolsa de valores brasileira.

Além disso, as ações da empresa podem ser comercializadas em sistemas digitais, buscando simplificar o processo de negociação para os acionistas, além de zelar pela segurança deles.

A companhia detém ações ordinárias (BIDI3 ON) que dão direito ao voto durante as assembleias empresariais, ações preferenciais (BIDI4 PN) ofertam prioridade no momento de recebimento de dividendos, e ações Unit (BIDI11 UNIT) que integram ações ordinárias e preferenciais.

Assim, para adquirir ações do Banco Inter, é de extrema importância que o investidor realize a abertura de uma conta numa corretora de valores de sua preferência.

Logo após, é necessário realizar uma transferência TED, com o valor desejado para executar o investimento, após esse processo, o acionista conseguirá selecionar ações do Banco Inter, referidas como BIDI3, BIDI4, BIDI11.

Como ganhar dinheiro com as ações do Banco Inter (BIDI11)?

Primeiramente, é de extrema relevância compreender que existem diversas formas de adquirir múltiplos vantajosos (lucros) com as ações do Banco Inter na B3.

Dentre essas formas, é possível incluir o recebimento de dividendos, dado que, a companhia possui em seu histórico pagamento recorrente de dividendos.

Além de tudo, o investidor tem a possibilidade de conseguir capital, mediante a venda de suas ações por um valor superior ao adquirido anteriormente.

Além disso, é importante ficar atento a algumas questões que possibilitam a realização de investimentos com prudência e segurança, dentre essas questões, pode-se incluir a diversificação da carteira de ativos, gerando uma carteira que possua renda fixa e renda variável.

Desse modo, é importante que o acionista análise a liquidez, segurança e rentabilidade da ação, antes de começar a negociar ações na bolsa de valores.

Logo, diante do perfil do investidor de longo prazo e seus objetivos financeiros, obter uma boa rentabilidade, pode retratar uma alternativa mais viável, quando comparado, a busca por uma alta liquidez.

Entretanto, a priorização entre rentabilidade ou alta liquidez, dependerá dos objetivos do investidor, visto que, o acionista poderá realizar aquisições para curto, médio ou longo prazo.

Vale a pena investir no Banco Inter (BIDI11)?

O Banco Inter (BIDI11) é uma das principais empresas do setor bancário, buscando oferecer serviços de forma totalmente digital.

Dado isso, é importante ressaltar que a empresa possui uma atuação expressiva nos meios digitais, por isso, lançou sua própria Plataforma Aberta de Investimentos (PAI), possibilitando que seus clientes realizem investimentos na plataforma, oferecendo uma vasta variedade de aplicações.

Além disso, possibilita que seus clientes invistam em serviços de seus concorrentes, não limitando seus correntistas apenas aos seus produtos.

Entretanto, a companhia enfrenta uma ampla concorrência, visto que, existem diversas empresas no mercado ofertando serviços parecidos e até iguais aos do Banco Inter, dentre essas empresas é importante frisar a Nubank, Digio, Banco Next e a Neon.

Dessa maneira, antes de definir qual será a ação que você investirá seu capital, é de grande relevância realizar uma análise fundamentalista, para assim, verificar se seus investimentos estão sendo realizados de maneira consciente, seja com o Banco Inter (BIDI11) ou com outra companhia que integre a bolsa de valores.

Escrito por

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Compartilhe conosco suas experiências

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *