Co-branding: saiba como funciona uma parceria entre marcas!

co branding

Todo empreendedor precisa estimular diariamente estratégias de marketing que agreguem valor e tragam mais rendimento para a marca. Fazer uso do co-branding é uma das formas de otimizar os resultados de um negócio.

O termo co-branding pode parecer desconhecido para algumas pessoas, mas a verdade é que a colaboração entre marcas é utilizada há bastante tempo. E assim como qualquer outra estratégia, possui vantagens e desvantagens.

Co-branding é uma estratégia de marketing que estabelece parceria entre marcas. Nem sempre a colaboração é feita com negócios que possuem conteúdos complementares. O único pré-requisito é fazer uma junção inteligente para que a técnica traga bons resultados.

Como funciona a associação entre marcas? Co-branding é a mesma coisa de co-marketing?

co-branding

Fazer co-branding não é uma ciência exata, mas para aumentar as chances de sucesso é preciso que as marcas envolvidas na associação estejam cientes sobre as necessidades do público e a potencialidade da união de ambos os clientes.

Isto quer dizer que, qualquer empresa pode fazer uso do co-branding, mas se a técnica for mal utilizada, pode trazer um resultado totalmente oposto do esperado.

Por exemplo, uma empresa pode ter uma má reputação com o seu público e essa má reputação será levada para o outro público da empresa de co-branding.

Por isso, além de conhecer a imagem passada entre as empresas, é preciso entender se aquela soma faz sentido ao consumidor. Seja em uma ação, criação de produto ou na prestação de serviço, estudar o público é uma prática essencial para o sucesso.

Existem diversos tipos de co-branding e para cada um deles traz um grau diferente de valor para o potencial cliente. Oferecer novidades nos diferentes tipos de funções é um processo intenso de pesquisa.

  • Promocional ou de patrocínio;
  • Inovação;
  • Componentes;
  • Cadeia de valor.

São alguns dos tipos de co-branding que podem ser utilizados por duas organizações que querem obter as vantagens do co-branding.

Além disso, é importante distinguir o co-branding do co-marketing. Co-marketing também é uma estratégia de associação, no entanto, a colaboração acontece com canais de distribuição separados, às vezes pode haver participação nos lucros de ambas.

Quais são as vantagens de utilizá-lo?

Associar duas marcas que têm boa popularidade ou associar uma marca que está começando com outra que já está no mercado é uma forma de crescer de forma considerável no aspecto lucrativo e de imagem.

Sem nem mesmo levar em consideração os famosos exemplos de co-branding, existem alguns benefícios latentes na aplicação da estratégia.

  • Exposição a um novo mercado;
  • Possibilidade de divisão de gastos na geração de uma nova ação, produto ou serviço;
  • Oportunidade de trazer vantagens para estratégias individuais;
  • Associação positiva entre marcas;
  • Expansão do market-share;
  • Aumentar as vendas e lucratividade;
  • Diferenciação dos concorrentes.

São algumas dentre as infinitas vantagens que os negócios podem obter na utilização do co-branding. Mas também é preciso estar atento aos riscos.

Por exemplo, se uma marca fizer mais esforço do que a outra, os benefícios podem ser disponibilizados para ambas, no entanto, uma pode sair perdendo no quesito recursos financeiros utilizados para atingir o público.

Por isso, antes de aplicar o co-branding, é preciso estudar quais seriam os melhores colaboradores na estratégia e direcionar esforços mútuos para obter resultados significativos. Para mais dicas como essa, assine nossa newsletter no WhatsApp e receba ainda mais conteúdos gratuitos!

Acesso rápido

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Arthur Dantas Lemos

Arthur Dantas Lemos

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimos artigos