Home Blog Como pedir desconto? Confira [6] dicas!

Como pedir desconto? Confira [6] dicas!

como pedir desconto

Aprender como pedir desconto é bastante importante para que você consiga fazer compras gastando menos e faça sobrar mais dinheiro no final do mês.

No entanto, muitas pessoas acabam tomando algumas atitudes precipitadas na hora de pechinchar. Por isso, vale a pena buscar algumas dicas de como pedir desconto.

O que significa “pedir desconto”?

Entender como pedir desconto significa buscar oportunidades para economizar dinheiro ao fazer uma compra.

Muitas pessoas acabam com vergonha de pedir desconto por acharem que estão sendo mal-educadas ou desrespeitosas.

No entanto, a grande maioria dos estabelecimentos comerciais já possuem uma margem de desconto automática para clientes que praticam a famosa “pechincha”.

Inclusive, é por conta disso que o pedido de desconto precisa ir além da resposta automática dada pelo vendedor. Assim, representando uma real economia na compra de um determinado produto.

Por que pedir desconto?

homem com sacola de compras na mão

A pergunta principal quando falamos de negociar preços é: por que não pedir desconto?

Como dito anteriormente, as lojas e seus vendedores já são preparados para ceder descontos para seus clientes, principalmente em modalidades de compra à vista, seja pelo cartão de débito ou com dinheiro.

Portanto, quando não pedimos desconto estamos apenas deixando de lado uma oportunidade para gastar menos ao comprar um bem desejado.

É preciso lembrar que, além de fazer um bom planejamento financeiro, a prática de pedir desconto também contribui para que sobre mais dinheiro ao final do mês para ser investido.

Ou seja, se existe a chance de comprar um produto por um percentual menor do seu preço original, por que não a aproveitar?

Como pedir desconto?

Mesmo que diversas pessoas conheçam os benefícios de negociar o valor de um produto, muitas ainda têm dificuldades na hora de encontrar os argumentos para pedir desconto.

Isso porque, mesmo possuindo uma margem, é claro que os comerciantes desejam vender o produto pelo preço que está sendo anunciado, assim aumentando sua margem de lucro.

Portanto, em alguns casos ainda mais que outros, é importante saber o que fazer na hora de pedir desconto.

Para ajudar nisso, confira algumas dicas de como pedir descontos:

Deixe a vergonha de lado

Não tem nada de errado em pedir desconto, então por que sentir vergonha sobre isso?

Se as próprias lojas já se programam para dar um percentual de desconto aos seus clientes, é importante entender que esse é um comportamento comum no comércio.

Para motivá-lo, basta lembrar que, em muitos casos, algumas lojas inflam os preços de produtos para darem falsos descontos, algo comum em época de Black Friday, por exemplo.

Por isso, pedir desconto significa também buscar um preço justo.

Pesquise os preços antecipadamente

Se você não costuma fazer compras por impulso, provavelmente busca pelos preços de um produto que está interessado em uma loja ou na internet.

Esse tipo de atitude é extremamente importante para que você descubra a média do preço de um produto em diferentes lojas, para assim encontrar o estabelecimento mais barato.

Um outro ponto positivo disso é que algumas lojas que apresentam melhores benefícios também cobrem o preço dos concorrentes.

Por isso, você pode usar o valor mais barato como uma oportunidade de desconto em um estabelecimento que ofereça uma maior garantia, por exemplo.

Negocie, não importa a forma de pagamento

Por lei, as lojas são proibidas de cobrarem preços mais altos para a compra no cartão à vista.

O permitido, nesse caso, é apenas a cobrança de juros em caso de parcelamento.

No entanto, em busca de motivar o cliente a pagar à vista, alguns estabelecimentos permitem descontos apenas sobre o pagamento em dinheiro.

Isso, na realidade atual, já deixou de fazer sentido, já que o cartão faz parte da rotina de compra de um enorme número de consumidores, mesmo o de débito.

Por isso, é importante que, ao pedir desconto, você esclareça que está disposto a finalizar a compra apenas na forma de pagamento que prefere.

Se possível, pague em dinheiro

Sem dúvida alguma, o pagamento à vista sempre proporciona uma certa economia na hora de fazer compras, já que nunca é atrelado à cobrança de juros.

Além disso, ele ajuda a impulsionar o fluxo de caixa das empresas de maneira imediata, algo que elas preferem.

Por isso, acabam oferecendo descontos para motivar os consumidores.

Seja paciente e educado

Alguns tipos de negociações de preço podem durar vários minutos, horas ou até dias para chegarem no objetivo esperado.

Durante esse tempo, é essencial que você mantenha uma boa postura para criar um bom relacionamento com a loja e o vendedor.

Se algum funcionário estiver indisposto em te ajudar, você pode recorrer a outro vendedor ou até mesmo ao gerente, sempre de maneira tranquila.

Ao explicar sua situação para um outro profissional mais agradável ou com mais influência, suas chances de ganhar desconto aumentam.

Conheça bem o produto

Não adianta pedir desconto para um produto se você não sabe informações sobre ele, como a condição, tempo de produção e demanda atual.

Com esses dados, você possui ainda mais argumentos para pedir desconto. Assim, conseguindo economizar por fatores já existentes.

Vale a pena pedir desconto?

Existem diversas vantagens em conseguir desconto. A principal delas, sem dúvida alguma, é a economia ao fazer uma compra.

Em geral, quando desejamos comprar um produto juntamos o dinheiro necessário para ele, e se o valor pago é menor, e o que sobra pode ser utilizado para outros objetivos.

Para quem reclama que não sobra dinheiro no final do mês, pode valer a pena negociar os valores de seus planos de assinatura, como de internet e banda larga.

Assim, você terá mais dinheiro para investir e conseguir fazer seu patrimônio aumentar com ativos financeiros ao saber como pedir desconto.

Escrito por

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Compartilhe conosco suas experiências

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *