Comportamento do consumidor: descubra como entendê-lo

comportamento do consumidor

O comportamento do consumidor é analisado de acordo com informações sobre a compra de produtos, serviços e escolhas do indivíduo.

A partir do comportamento do consumidor, podem ser desenvolvidas todas as estratégias comerciais de uma empresa.

Qual a importância dos hábitos dos consumidores para as empresas?

O comportamento do consumidor representa as ações mentais e emocionais que ocorrem no momento da escolha, compra e uso de produtos.

Através dessas informações, os negócios conseguem melhorar a satisfação dos clientes e adequar suas ofertas para o mercado escolhido.

São diversos os fatores que influenciam os hábitos de compra dos consumidores. Entendê-los representa uma enorme oportunidade de crescimento para diversas empresas.

Quais os fatores que influenciam o comportamento do consumidor?

Diversas áreas mentais e emocionais são responsáveis por influenciar o comportamento de consumo dos indivíduos. Confira quais são elas:

1. Cultura

Conjunto de valores, percepções e preferências adquiridos através da vida em sociedade. Essas características variam de acordo cada subcultura, como:

  • Religiões;
  • Grupos étnicos;
  • Regiões geográficas.

Esses fatores possuem influência direta na percepção de alguns indivíduos sobre algumas marcas e produtos.

2. Posição social

A forma de participação dentro da sociedade, relacionada aos papéis assumidos em cada área. Elas podem ser entendidas como grupos de referência comportamental, como a família, colegas de trabalho e também as sociedades religiosas.

3. Particularidades

Características pessoais da vivência de cada indivíduo, como:

  • Idade e estágio de vida;
  • Ocupação;
  • Condição financeira;
  • Personalidade.

O conjunto desses fatores desenvolve o padrão de vida de cada um, sendo expressado por meio de atividades e interesses de compra.

4. Fatores psicológicos

Os desejos e necessidades que levam o consumidor a fazer determinadas escolhas de consumo.

É possível que cada indivíduo desenvolva sua própria percepção, podendo filtrar quais os estímulos que realmente fazem sentido no momento.

Conseguindo, por meio dessa mudança de comportamento, desenvolver um melhor autocontrole.

Como entender o comportamento do consumidor?

O objetivo principal da maioria dos negócios é aumentar seus resultados e, assim, crescer em meio ao mercado.

Para isso, é preciso entender como se comporta sua maior fonte de renda: o consumidor. Assim, conseguindo satisfazê-lo corretamente e aumentar as vendas.

Confira algumas dicas para entender o comportamento do consumidor:

Realize pesquisas de mercado

A psicologia do consumidor só pode ser desvendada através da análise das suas opiniões. Existem diversas maneiras para isto, através das pesquisas de mercado, que podem ser feitas por:

  • Formulários (físicos ou online);
  • Envio de questionários;
  • Abertura para comentários;
  • Institutos de pesquisa especializados (IBGE e IBOPE).

Com essas informações, o empresário consegue entender quais os problemas, desafios e vantagens de uma determinada área de atuação.

Além disso, também fica mais fácil descobrir a opinião direta do público sobre algum produto ou serviço oferecido.

Analise as condições econômicas

Existem inúmeras classes sociais com diferentes interesses, objetivos e necessidades. Por isso, é altamente relevante para os empreendedores a informação sobre a visão da marca pelo público.

Assim, entendendo o quanto os consumidores estão dispostos a pagar para adquiri-lo e qual o nível de qualidade exigido.

Para isso, vale a pena investir na recepção de feedbacks de clientes e em pesquisas de Brand Lift.

Pesquise os fatores sociais

Qualquer grupo de referência é responsável por influenciar na escolha de compra de um indivíduo, afinal, seguimos aqueles que confiamos.

São exemplos de grupos de referência:

  • Família;
  • Amigos;
  • Equipe de trabalho.

Analisando esses grupos, a empresa consegue entender suas peculiaridades, podendo assim encontrar soluções para seus problemas.

Essas ações devem respeitar as crenças e valores desses consumidores. Assim, conseguindo satisfazê-los e incentivá-los na decisão de compra.

Não se esqueça dos aspectos pessoais

Os aspectos pessoais do consumidor são um pouco mais complicados de se identificar, já que mudam ao longo do tempo.

Entretanto, nos dias de hoje, já existem inúmeras tecnologias responsáveis pelo armazenamento dessas informações.

Com um plano de marketing bem elaborado, é possível utilizar ferramentas que identifiquem clientes em potencial. Assim, aumentando as chances da identificação com sua marca.

Esse tipo de tecnologia evita esforços de promoção desnecessários para a empresa, como por exemplo:

Um anúncio de um frigorífico em um canal do YouTube direcionado para veganos.

Vale lembrar que a faixa etária também é um fator altamente decisivo no resultado de estratégias corporativas. Isso porque os hábitos de consumo variam bastante de acordo com cada idade.

Como cada geração tem uma forma diferente de interagir com as marcas, é preciso definir quais são de interesse do negócio. Assim sendo possível direcionar ações para cada uma delas.

Qual a importância de conhecer os hábitos de consumo?

Há um bom tempo, uma boa parte do público consumidor era bem mais lento em seu processo de compra.

Já com a internet, as decisões de compra são feitas em minutos, através de ferramentas comparadoras de preço e alguns cliques.

Com essa impulsividade, entender o comportamento do consumidor é um processo que deve ser bastante elaborado e direcionado. Assim, oferecendo enormes resultados para a  receita da empresa. Acompanhe a nossa carta do fundador, com conteúdos diários e gratuitos!

Acesso rápido

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Arthur Dantas Lemos

Arthur Dantas Lemos

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimos artigos