O que faz um correspondente bancário? Esse serviço é confiável?

soft skills 3

Para alguém que não pode ou, simplesmente, não quer se deslocar até uma agência para realizar determinadas operações financeiras, o correspondente bancário pode ser válido.

Existem diversas operações que o correspondente bancário está autorizado pelo banco central a realizar. Mas será que essa é uma boa opção dentro do ponto de vista da educação financeira?

O que faz um correspondente bancário?

Entender como funciona um correspondente bancário não é difícil. Ele pode ser uma firma, pessoa jurídica ou qualquer instituição que possa intermediar as operações entre o banco e o cliente.

Todavia, para executar essa função, a instituição deve estar devidamente regulada pelo banco central.

Os correspondentes bancários concedem crédito e outros vários serviços, em nome de algum banco.

Os objetivos centrais dessa atividade são conceder o crédito de uma forma mais eficiente e acelerar o atendimento ao cliente junto ao banco.

Quais serviços o correspondente bancário pode fazer?

Os serviços bancários que podem ser intermediados por um correspondente, são diversos e, devem ser autorizados pelo banco central.

  • Serviços de cobranças;
  • Recebimentos e pagamentos de todos os tipos;
  • Desenvolvimento de propostas de abertura de contas de depósito;
  • Análise de cadastro e de crédito;
  • Ordens de pagamento;
  • Solicitações de financiamento;
  • Solicitações de cartões de crédito e débito para trabalhadores;
  • Solicitações de cartões de crédito e débito para aposentados;
  • Aplicação e resgate em fundos de investimento;
  • Realizações de operações de câmbio;
  • Proposta de abertura de contas a prazo.

Para contratar o serviço de um correspondente bancário, são indispensáveis algumas cláusulas contratuais, como:

  1. Garantir a ciência e aprovação das atividades prestadas pela instituição por parte do Banco Central;
  2. Acesso total ao Banco Central;
  3. Disponibilidade de documentos e informações sobre a instituição contratada.

E, ainda, é necessário estar atento sobre quais atividades os correspondentes bancários não estão autorizados a executar.

  • Liberar empréstimo sem vínculo e autorização de um banco;
  • Impor tarifas e cobranças extras pelos serviços prestados;
  • Cobrar pagamento adiantado.

Quais são as vantagens de obter o serviço de um correspondente bancário?

Os correspondentes bancários podem facilitar e tornar mais eficientes diversas atividades e obrigações financeiras.

  • Resolver questões bancárias sem sair de casa;
  • Diversos serviços, de diferentes tipos, em um lugar só;
  • Empréstimos e créditos com melhores taxas.

Vale a pena lembrar que não são todos os correspondentes bancários que disponibilizam empréstimos e créditos. Para quem busca algo mais direcionado a esse tipo de serviço, o recomendado é buscar correspondentes bancários especializados na área.

Cuidado necessário com os correspondentes bancários

Existem alguns cuidados com correspondentes bancários que, ao contratar o serviço, todos clientes deveriam ter.

1. Consulte o CNPJ da empresa no Banco central

Para as empresas trabalharem como correspondentes bancários, precisam estar registradas e autorizadas pelo banco central.

Portanto, procure pelo nome e CNPJ da empresa no site oficial do banco central. Isso pode te dar a segurança de que aquela empresa, realmente, existe.

2. Não faça, sobre nenhuma hipótese, depósitos adiantados

As empresas do ramo, não são autorizadas a cobrar depósitos e pagamentos adiantados. Portanto, não o faça sobre qualquer circunstância.

É uma característica bastante comum em empresas fraudulentas solicitarem esse tipo de depósito.

3. Procure conhecer mais sobre a empresa

Antes de contratar o serviço de alguma empresa correspondente bancária, pesquise sobre ela e busque saber sobre experiências de outras pessoas.

4. Verifique o e-mail da empresa e o certificado de segurança no site

Normalmente, empresas fraudulentas usam e-mails de domínio público, como Gmail, Hotmail e Yahoo. As empresas corretas costumam ter o domínio do e-mail que se assemelham ao nome da empresa.

Do lado esquerdo da URL, fica o certificado de segurança do site. Portanto, cheque se o status que aparece é “seguro”.

Por fim, é importante lembrar que o trabalho do correspondente bancário pode ser muito vantajoso em diversos cenários. Mas, é recomendado estar atento a essas dicas para não cair em fraudes, e se prejudicar.

Acesso rápido

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Arthur Dantas Lemos

Arthur Dantas Lemos

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimos artigos