Home Blog Desperdício de alimentos: {3} dicas de como reduzir o desperdício

Desperdício de alimentos: {3} dicas de como reduzir o desperdício

desperdicio de alimentos 2

O desperdício de alimentos é um enorme problema na casa de diversas pessoas, uma prática que vai de encontro com a boa educação financeira. Inclusive, esse fato é totalmente relevante  para quem procura viver uma vida mais sustentável ou quem deseja economizar.

Portanto, deve começar a repensar a forma de lidar com a alimentação. A atenção com o desperdício de alimentos proporciona mudanças consideráveis seja no meio ambiente ou na vida financeira de um indivíduo.

O desperdício de alimentos é responsável por eliminar cerca de um terço da comida produzida em todo o mundo. Por isso, é preciso se planejar melhor e dar o primeiro passo para a mudança logo dentro de casa.

O planejamento, seja para qualquer finalidade, é extremamente importante para uma vida organizada e produtiva. Por isso, antes de tudo, é preciso rever algumas escolhas e atitudes negativas em relação à comida.

Através de ações simples e práticas de serem colocadas em práticas, fica fácil evitar o desperdício de alimentos.

desperdicio-de-alimentos

1. Planeje melhor suas compras

Escolher o que vai ser comprado no supermercado é uma tarefa simples com a ajuda do planejamento. A função principal dele é esclarecer as reais necessidades da casa e ajudar os moradores a entender como economizar com alimentos.

Primeiro, é preciso saber qual o orçamento disponível para as compras no mercado, de preferência o atacado. Depois disso, anote todos os itens essenciais para a lista de compras, como:

  • Alimentos não perecíveis (Arroz, Feijão etc.);
  • Produtos de limpeza;
  • Produtos de higiene pessoal.

É preciso anotar a quantidade necessária para o período escolhido até a próxima compra. Lembrando que ela precisa corresponder à quantidade de pessoas da casa.

Uma dica para a hora de comprar um produto supérfluo, como os doces em geral, é separar uma quantia limitada do orçamento doméstico para esse tipo de gasto. Isso, ajuda a criar uma consciência e escolher, entre os itens não tão necessários, aqueles mais importantes.

Uma boa alternativa para a lista de compras é que ela siga um cardápio mensal. Assim, nas próximas compras, é só comparar com o que já tem em casa e comprar somente o que falta.

2. Armazene corretamente os alimentos

Após as compras, a conservação dos alimentos é fundamental para evitar o desperdício. Por isso, é preciso estar bastante atento à forma e o local de armazenamento da comida.

Nos produtos industrializados, é preciso ler o rótulo e estar atento à validade após a abertura. Já no caso dos alimentos perecíveis, recomenda-se que eles sejam comprados semanalmente de acordo com o consumo.

Uma boa dica é congelar os alimentos. Entretanto, é preciso se atentar à preservação dos nutrientes.

Para quem leva almoço de casa, o que é boa estratégia para economizar dinheiro, as porções diárias devem ser bem definidas. Além disso, o seu armazenamento deve ser em recipientes resistentes ao congelamento e com tampas com bom fechamento.

Entre os alimentos que podem ser congelados, estão:

  • Frutas;
  • Legumes e verduras;
  • Arroz e feijão;
  • Carnes.

Cada um possui sua maneira adequada de congelamento para que os seus nutrientes sejam mantidos.

3. Utilize as sobras!

Reaproveitar alimentos é uma das maneiras mais eficientes de evitar o desperdício. Isso ajuda que aqueles restos de almoço ou jantar não sejam simplesmente jogados no lixo.

Se você quer saber como não jogar comida no lixo, principalmente antes dela apodrecer, precisa começar a reaproveitar as sobras.

Existem diversas receitas que utilizam alimentos já usados anteriormente, e que costumam ficar esquecidos na geladeira.

Além disso, uma alternativa para quem tem mais espaço em casa é a compostagem de alimentos. Essa forma de transformar alimentos em adubo é bastante eficiente para quem deseja diminuir a produção de lixo.

Por isso, se você quer evitar o desperdício de alimentos, aplique essas medidas em sua rotina. Adotar medidas sustentáveis é benéfico tanto para o seu bolso quanto, principalmente, para o meio ambiente. Mais conteúdos? Acompanhe a carta do fundador com insights diários!

Escrito por

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Compartilhe conosco suas experiências

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *