Home Blog HAPV3: vale a pena investir na Hapvida?

HAPV3: vale a pena investir na Hapvida?

HAPV3

A Hapvida (HAPV3) direciona suas atividades para o setor de saúde, voltado para a medicina preventiva e odontologia.

As ações da Hapvida (HAPV3) compõem a bolsa de valores brasileira com participação de 0,69% no Ibovespa. Por essa razão, é possível que investidores que analisam o setor de saúde negociem ações da empresa no mercado acionário.

O que é a Hapvida (HAPV3)?

A Hapvida Participações E Investimentos S.A (HAPV3) é uma companhia, do tipo holding, constituída na forma de sociedade por ações. Ela atua no segmento de serviços médicos.

Sendo assim, suas ações são negociadas na B3 (Brasil, Bolsa e Balcão), através do ticker HAPV3.

A companhia começou a ter suas ações negociadas na B3 em 2018. Ela possui mais de 742.985.906 milhões de ações negociadas, sendo estas 29,2% em free float.

Além da Hapvida, existem outras empresas integram o setor saúde no Brasil. Entre elas estão a Fleury (FLRY3) e a Raia Drogasil (RADL3).

  • Fleury: A empresa tem como atividade principal a prestação de serviços médicos e medicina diagnóstica. Na década de 90, a empresa se destacou por ser a primeira a oferecer resultados de exames médicos pela internet;
  • Raia Drogasil: A empresa foi fundada a partir da fusão da Raia S.A. com a Drogasil S.A. Além disso, ela representa um dos maiores grupos varejistas no setor de farmácias e drogarias do Brasil.

Dessa forma, diante da participação da Hapvida e sua concorrência no mercado, é de grande importância entender seu modelo de negócio e sua trajetória.

Sendo assim, através das informações oferecidas, os investidores poderão comprar ações de maneira consciente.

O que faz a Hapvida (HAPV3)?

Em primeiro lugar, a principal atividade da Hapvida se relaciona com a participação enquanto sócia ou acionista em outros empresas, no geral, de assistência médica.

Além disso, ela também realiza investimentos diretos, assim como a exploração de atividades de prestação de serviços.

A companhia, por sua vez, opera por meio de 2 tipos de produtos:

  • Planos de Assistência Médica;
  • Planos de Assistência Odontológica.

Os planos de assistência médica, tanto a categoria individual e familiar, quanto a categoria corporativo, são vendidos em todos o Nordeste e nos Estados do Amazonas e Pará, na região Norte.

Ainda, a companhia possui quatro tipos de coberturas de planos odontológicos, sendo eles: Prevenção e Urgência, Misto, Pré-Pagamento e “Além Rol”.

Como atua a Hapvida (HAPV3)?

A Hapvida (HAPV3) tem uma rede própria de atendimento. São cerca de 26 hospitais e prontos atendimentos, 75 clínicas e 84 laboratórios.

A companhia direciona sua estratégia para a prestação dos serviços de forma vertical, na qual o atendimento ao beneficiário acontece em rede própria de atendimento.

Como dito, a empresa atua na venda de planos de saúde com cobertura de custos de assistência médica. A maior parte dos atendimentos é feita na rede clínica, ambulatorial e hospitalar própria.

Da mesma forma, ela atua na venda de planos odontológicos com o serviço prestado através de rede credenciada.

Ações Hapvida (HAPV3): onde e como são negociadas?

O ticker da Hapvida é negociado na bolsa de valores brasileira ou B3 e, além disso, a empresa participa do índice Ibovespa.

Sendo assim, os investidores que possuem interesse na empresa podem comprar os papéis através dos meios digitais. Eles surgiram com o objetivo de facilitar o processo de negociações entre os investidores.

A Hapvida é listada na B3 com ações ordinárias (HAPV3 ON), que ofertam o direito ao voto durante as assembleias executivas.

Sendo assim, para comprar as ações dessa empresa, você deve abrir uma conta em uma corretora de valores de sua escolha.

Logo após isso, deve ser feita uma transferência TED com o valor direcionado para o investimento. Depois disso, o investidor poderá selecionar ações da Hapvida (HAPV3 ON).

Características das ações da Hapvida (HAPV3)

As ações da Hapvida (HAPV3) possuem algumas características. Em primeiro lugar, a classificação setorial dela, segundo as informações oferecidas na B3, é: Saúde/ Serviço Médico Hospitalar e Análises e Diagnósticos.

Além disso, seu segmento de listagem na bolsa de valores é Novo Mercado. Por último, suas ações oferecem Tag Along de 100% ON, além de free float de 29,2%.

História da Hapvida

hapv3 2

A história da Hapvida teve início em 1979. Nesse ano, o médico oncologista Candido Pinheiro Koren de Lima inaugurou a Clínica Antônio Prudente na cidade de Fortaleza, no Ceará.

Durante os anos seguintes, a companhia passou a expandir suas atividades na capital do Estado, principalmente com a ampliação da clínica, até se tornar em um hospital.

Em 1993, a Hapvida iniciou as atividades da operadora de saúde suplementar por meio da Hapvida Assistência Médica.

A partir do ano de 1996, os acionistas tomaram a decisão estratégica de separar os negócios de operadora e hospitais. Dessa forma, a empresa tentou dar foco no aumento de valor de ambos os setores. No entanto, se percebeu que a decisão não foi positiva.

Aquisições da empresa

Em 1999, aconteceu a primeira aquisição inorgânica da companhia. Foi feita a compra de um hospital no Rio Grande do Norte, conhecido como Hospital Antônio Prudente de Natal.

Já partir do ano 2000, os acionistas tomaram uma nova decisão estratégica. Nela, a operadora se tornou a principal geradora de receitas desse modelo de negócios.

Além disso, os hospitais se tornaram um meio de prestação de serviços para os beneficiários da operadora.

Nesse ano, também, o Hospital Teresa de Lisieux, localizado no estado da Bahia, passou a fazer parte das operações da companhia.

A partir de 2004, a Hapvida passou a acelerar a expansão de suas atividades. Neste ano, a companhia intensificou o processo de integração e verticalização de suas atividades, focando seus investimentos em sua própria capacidade de atendimento.

Expansão da empresaa

Em 2005, por exemplo, houve a aquisição do Hospital São Lucas, no Estado do Amazonas. Sendo assim, a companhia começou a operar na região Norte do Brasil.

Entre 2008 até 2010, a empresa passou por um momento importante de expansão de suas atividades. Ela estruturou, por exemplo, o serviço de assistência odontológica com o nome Mais Odonto.

Além disso, a empresa adquiriu os hospitais Espinheiro e Ilha do Leite na cidade de Recife, em Pernambuco. Ainda, obteve as carteiras de beneficiários dos grupos MMS PE e Santa Helena, também nesse Estado.

O ano de 2011 foi marcado por grandes aquisições, como a da Santa Saúde e Dental Vida, com atuação sobretudo nos Estados do Ceará e Maranhão. A Hapvida adquiriu, também, o Hospital Vasco Lucena e a Santa Casa de Misericórdia da Bahia.

Nesse ano, a Hapvida se tornou uma operadora de saúde suplementar com atuação nacional através da venda de planos odontológicos.

Em 2014, a empresa realizou duas aquisições no setor de saúde: o Hospital Luís França no Estado do Ceará e o Hospital Fleming, no Amazonas.

Em 2018, a companhia deu o seu primeiro passo para oferecer planos de assistência médica fora das regiões Norte e Nordeste. Sendo assim, se começa a construção do hospital de Joinville, no Estado de Santa Catarina.

Também em 2018, a operadora de planos de saúde realizou o seu IPO na B3. Já em 2019, inaugurou a entrada na região Sul do Brasil, em Santa Catarina.

Linha do tempo da Hapvida

  • 1979: Começa a história da empresa. O médico oncologista Candido Pinheiro Koren de Lima inaugura a Clínica Antônio Prudente na cidade de Fortaleza, no Ceará;
  • 1993: A empresa inicia as atividades da operadora de saúde suplementar por meio da Hapvida Assistência Médica;
  • 1996: Os acionistas tomam a decisão estratégica de separar os negócios de operadora e hospitais, mas não funciona;
  • 1999: Acontece a primeira aquisição da companhia, com a compra de um hospital no Estado do Rio Grande do Norte;
  • 2000: O Hospital Teresa de Lisieux, localizado no Estado da Bahia, passa a fazer parte das operações da companhia;
  • 2005: Acontece a aquisição do Hospital São Lucas, no Estado do Amazonas. Sendo assim, a Hapvida se expande para a região Norte do País;
  • 2008-2010: Estruturação do serviço de assistência odontológica, que ganha o nome de Mais Odonto;
  • 2011: Acontecem duas aquisições importantes. A primeira é da Santa Saúde e Dental Vida, com atuação no Ceará e Maranhão. Já a segunda é o Hospital Vasco Lucena e a Santa Casa de Misericórdia da Bahia;
  • 2014: A empresa realiza mais duas aquisições no setor de saúde: o Hospital Luís França, no Estado do Ceará, e o Hospital Fleming, no Amazonas.
  • 2018: A companhia dá o seu primeiro passo para a operação em planos de assistência médica fora das regiões Norte e Nordeste;
  • 2018: A empresa realiza o seu IPO na B3;
  • 2019: A Hapvida inaugura a entrada na região sul do Brasil, a partir de Joinville, em Santa Catarina.

Como ganhar dinheiro com as ações da Hapvida (HAPV3)?

hapv3 3

Em primeiro lugar, é importante entender que no mercado financeiro existem várias formas de lucrar através da ações dessa empresa na bolsa de valores.

Uma delas, por exemplo, é quando o investidor aumenta seu capital com a venda de suas ações por um valor mais alto que o adquirido de início.

Entretanto, é importante se atentar a alguns fatores que podem afetar direto na conquista de seus objetivos financeiros.

Por essa razão, o investidor pode considerar realizar a diversificação da sua carteira de ativos, criando uma carteira que detenha renda fixa e renda variável.

Dessa forma, é importante realizar a análise da liquidez, rentabilidade e segurança, antes da aquisição.

Sendo assim, a partir do perfil do investidor e suas metas financeiras, ter uma boa rentabilidade poderá ser uma opção mais viável quando comparado a busca por uma alta liquidez, por exemplo.

No entanto, a priorização entre alta liquidez ou rentabilidade vai depender dos objetivos financeiros dos acionistas. Esses, por sua vez, podem adquirir ações para curto, médio e até longo prazo.

Vale a pena investir na Hapvida (HAPV3)?

A Hapvida (HAPV3) é a maior operadora de planos de saúde do Norte e Nordeste. Além disso, é a terceira maior do País em beneficiários. Portanto, a empresa pode representar uma opção aos acionistas que possuem interesse em investir nesse setor.

Algumas das vantagens da Hapvida podem ser em relação ao seu mercado competitivo. Seu diferencial é que ela se configura como uma rede exclusiva de atendimento da companhia. Ainda, ela é a única empresa do setor a ter todo o prontuário do beneficiário de forma eletrônica.

No entanto, ela é uma empresa que chegou no mercado de ações somente em 2018. Por isso, não é possível analisar se ela é uma boa pagadora de dividendos a longo prazo, por exemplo.

Além disso, existe o risco de começar a investir em empresas muito novas no mercado acionário.

Sendo assim, antes de escolher qual será a ação que você irá investir seu dinheiro, é interessante realizar uma análise fundamentalista.

Através dessa análise, será possível conferir se seus investimentos são efetivos, seja com a Hapvida (HAPV3) ou com outra empresa que integre a bolsa de valores.

Escrito por

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Compartilhe conosco suas experiências

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *