Home Blog KLBN11: descubra tudo sobre as ações da Klabin!

KLBN11: descubra tudo sobre as ações da Klabin!

KLBN11

A Klabin S.A (KLBN11) direciona suas atividades para a produção de papéis e embalagens no Brasil, sendo detentora de um catálogo diversificado de produtos. Além disso, a empresa pode ser considerada uma das maiores produtoras e exportadoras do seu setor.

As ações da Klabin (KLBN11) integram parte da B3 (Brasil, Bolsa e Balcão) e podem ser adquiridas por investidores que analisam o setor de papel e celulose.

O que é a Klabin (KLBN11)?

A Klabin S.A. (KLBN11) centraliza suas atividades na produção e exportação de papéis, procurando oferecer seus produtos para diversas regiões.

A companhia é nacional e pode ser considerada líder na produção de papéis. Suas ações são negociadas na B3 (Brasil, Bolsa e Balcão) através da utilização do ticker KLBN11.

Em suma, a Klabin age no setor de papel e celulose desde o ano de 1889, mediante o início da produção de papel. A companhia possui mais de 5.548.498.060 bilhões de ações, com 54,29% destas em free float

Além da Klabin, outras empresa direciona seus serviços para o setor de celulose e papel, como a Suzano Papel (SUZB3):

  • Suzano Papel: atua na produção de papel, através de produtos fabricados mediante o plantio de eucalipto. Além disso, a empresa oferta uma gama de produtos, como: papel-cartão, celulose de mercado e celulose fluff, papel revestido e não-revestido. Para isso, a companhia transformou suas operações em um modelo verticalmente integralizado.

Mediante a relevância da Klabin (KLBN11) para o mercado financeiro e sua participação na bolsa de valores, torna-se importante entender sua história e seu modelo de negócio. 

Assim, permitindo que os investidores utilizem essas informações para garantirem aplicações financeiras seguras e lucrativas.

História da Klabin (KLBN11)

kablin ações da kablin

Foi em 1889 que a história do Grupo Klabin foi iniciada, com a chegada de Maurício Freeman Klabin ao Brasil, um empreendedor que vendia cigarros para empórios e albergues, além de importar papel e tabaco para sua fabricação. 

No ano seguinte, em 1890, Maurício Klabin criou sua empresa própria, a M.F. Klabin e Irmão, que agia como tipografia e empresa importadora de artigos de escritório, na cidade de São Paulo. 

Assim, no ano de 1899, é fundada a Klabin Irmão e Cia e, posteriormente, entre 1909 a 1914, é constituída a Companhia Fabricadora de PapelCFP.

Em 1924, a CFP se destacou e tornou-se uma das três maiores fábricas do setor no Brasil.

Já em 1931, foi iniciada a produção de cerâmica pela Manufatura Nacional de Porcelanas S.A. Logo após, em 1934, o Grupo Klabin adquiriu a Fazenda Monte Alegre, no Paraná, para iniciar a instalação da Indústria Klabin, uma das primeiras fábricas integradas de produção de papel.

Nesse sentido, no ano de 1941, foi constituída a Indústria Klabin de Papel e Celulose

Foi em 1947 que ocorreu um marco na história da produção de papel no Brasil, visto que parte do mercado interno de papel imprensa começou a ser suprida por uma indústria brasileira, com papel Klabin.

No ano de 1952, a empresa deu início a produção de papel ondulado, já no ano seguinte, foi iniciada a produção de fósforos promocionais.

Expansão da Klabin

Em 1955, diante do sucesso do papel ondulado, a companhia decide criar a Unidade de Del Castilho, no Rio de Janeiro. 

Assim, em 1961, a Unidade de Vila Anastácio é constituída, chegando a ser considerada uma das maiores unidades da época.

Dois anos depois, a empresa começou a aprimorar sua produção, inaugurando a máquina de papel n°6.

Foi em 1967 que parte do projeto direcionado a fabricação de celulose do bagaço de cana foi iniciado, mediante a aquisição da fábrica de Piracicaba.

Dessa forma, em 1973, o Grupo Klabin inaugurou a Papelão Ondulado do NordestePONSA, em Goiana, e iniciou a produção de sacos industriais na Celucat, na cidade de Lages. 

Aquisições da Klabin

No ano de 1974, a companhia realiza a aquisição da ONIBLA S.A. Assim, a empresa adentrou ao mercado de papéis descartáveis.  

Em 1982, o grupo Klabin realizou a aquisição da empresa Rio Grande, localizada na cidade de Guaíba, logo após, no ano de 1983, a companhia criou a holding Indústrias Klabin de Papel e CeluloseIKPC, tornando-se, assim, controladora das empresas Klabin

Em 1984, a companhia iniciou seu programa de fitoterapia, ou seja, produtos florestais não-madeireiros. Foi no ano de 1987 que o grupo Klabin decidiu encerrar suas atividades no setor de cerâmica.

No início dos anos 90, a empresa realizou a aquisição da Companhia de Papéis, através da Klabin Fabricadora de Papel e Celulose S.A.KFPC. No mesmo período, a empresa tornou-se a maior produtora de papéis sanitários em território nacional.

Desse modo, em 1996, a empresa decidiu expandir seus serviços na América Latina, no segmento de produção de papel kraft, envelopes e sacos, através da instalação de uma unidade, na Argentina.

No ano de 2000, a Indústrias Klabin de Papel e Celulose S.A. adquiriu a Igaras Papéis e Embalagens S.A, através da subsidiária do grupo.

Foi em 2001 que ocorreu a criação da Klabin S.A e, logo em 2003, que a companhia divulgou a paralisação na produção de papel jornal, papéis descartáveis e celulose, direcionando seu foco à produção de embalagens. 

Inovações da Klabin

Em 2008, a companhia inaugurou o Projeto de Expansão MA- 1100, na unidade localizada em Monte Alegre.

Além do mais,  no ano de 2011, foi instalada uma nova caldeira de biomassa, visando reduzir a emissão de gases do efeito estufa.

Em 2012, a empresa anunciou um investimento de R$ 220 milhões em uma nova máquina de Sackraft, com capacidade de produção de, em média, 80 mil por ano.

No ano de 2013, o Grupo Klabin resolveu ampliar a capacidade da empresa em produzir sacos industriais, mediante a instalação de uma nova máquina.

O grupo Klabin inaugurou a Unidade Puma, no ano de 2016. A unidade possuía uma capacidade de produção de 1,5 milhão de toneladas de celulose. No mesmo ano, a empresa também adquiriu a Embalplan e os ativos da Hevi Embalagens.

Foi em 2017 que a companhia inaugurou seu Centro de Tecnologia, buscando ampliar as pesquisas e o desenvolvimento das áreas de negócio da companhia. 

Assim, em 2019, é inaugurado o Centro de Interpretação da Natureza, em Santa Catarina. Além disso, no mesmo ano, foi anunciado o Projeto Puma II, objetivando construir duas máquinas de papel para embalagens com produção de celulose integrada. 

Ainda nesse ano, a empresa lançou o primeiro e-commerce da companhia, direcionado para o consumidor final, o Klabin ForYou.

Com a aquisição de uma planta industrial no Ceará, ela expandiu sua produção de embalagens de papelão ondulado na região Nordeste.

Em 2020, a Klabin S.A. inaugurou a primeira Escola Técnica de Operação Florestal do Brasil, fruto de uma parceria entre a Klabin, Governo do Estado do Paraná e Prefeitura Municipal de Ortigueira. 

Linha do tempo da Klabin (KLBN11)

  • 1889 – É iniciada a história do grupo Klabin;
  • 1890 – Maurício Klabin cria a M.F. Klabin e Irmão;
  • 1899 – O grupo Klabin funda a Klabin Irmão e Cia;
  • 1909 a 1914 – A empresa constituiu a Companhia Fabricadora de Papel – CFP;
  • 1924 –  A CFP ganhou destaque no mercado, tornando-se uma das três maiores fábricas do setor no Brasil;
  • 1931 – A empresa dá início a produção de cerâmica;
  • 1934 – A companhia adquire a Fazenda Monte Alegre no Paraná, iniciando a implantação da Indústria Klabin do Paraná;
  • 1941 –  Primeira empresa S.A da companhia é constituída, sendo nomeada como Indústria Klabin de Papel e Celulose;
  • 1947 – Uma parte do mercado interno de papel imprensa, começa a ser suprida por uma indústria brasileira, com papel Klabin;
  • 1952 –  A empresa inicia a produção de papel ondulado;
  • 1953 – A produção de fósforos promocionais é iniciada;
  • 1955 – O grupo Klabin decide criar a Unidade de Del Castilho, no Rio de Janeiro;
  • 1961 –  É constituída a Unidade de Vila Anastácio;
  • 1963 – A companhia inaugura a máquina de papel n°6;
  • 1967 – O grupo Klabin realiza a aquisição da fábrica de Piracicaba;
  • 1973 – A empresa realiza a inauguração da Papelão Ondulado do Nordeste – PONSA;
  • 1973 – A Klabin inicia a produção de sacos industriais na Celucat;
  • 1974 – O grupo Klabin adquire a ONIBLA S.A, entrando no mercado de papéis descartáveis;
  • 1979 – Klabin inaugura a máquina de papel n° 7;
  • 1982 – A companhia realiza a aquisição da empresa Rio Grande, localizada na cidade de Guaíba;
  • 1983 – Holding Indústrias Klabin de Papel e Celulose – IKPC é criada;
  • 1984 – A companhia inicia seu programa de fitoterapia;
  • 1987 – A Klabin encerra suas atividades no setor de cerâmica;
  • 1990 – Klabin realiza a aquisição da Companhia de Papéis, através da Klabin Fabricadora de Papel e Celulose S.A – KFPC;
  • 1990 – Tornou-se a maior produtora de papéis sanitários em território nacional;
  • 1996 – A empresa decide expandir a companhia na América Latina, através de uma unidade, na Argentina;
  • 1998 – A fábrica de Piracicaba começa a ser expandida;
  • 1999 – Unidade de Piracicaba inaugura uma máquina de reciclagem de embalagem Tetra Park;
  • 2000 – As Indústrias Klabin de Papel e Celulose S.A. adquire a Igaras Papéis e Embalagens S.A;
  • 2001 – Ocorre a criação da Klabin S.A;
  • 2003 – A Klabin divulga sua paralisação na produção de papel jornal, papéis descartáveis e celulose, focando apenas na produção de embalagens;
  • 2008 – É inaugurado o Projeto de Expansão MA- 1100, na unidade localizada em Monte Alegre;
  • 2011 – A empresa instala uma nova caldeira de biomassa, buscando reduzir a emissão de gases do efeito estufa;
  • 2012 – É anunciado  um investimento de R$ 220 milhões em uma nova máquina de Sackraft;
  • 2013 – O grupo Klabin resolve expandir a capacidade da companhia em produzir sacos industriais;
  • 2016 – A Unidade Puma é inaugurada;
  • 2016 –  A companhia adquire a Embalplan e os ativos da Hevi Embalagens;
  • 2017 – Klabin inaugura seu Centro de Tecnologia, para ampliar as pesquisas e o desenvolvimento das áreas de negócio da empresa;
  • 2019 – O Centro de Interpretação da Natureza é inaugurado e, é anunciado o Projeto Puma II;
  • 2019 – A Klabin lança o primeiro e-commerce da companhia, o Klabin ForYou e realiza a  aquisição de uma planta industrial no Ceará;
  • 2020 – A primeira Escola Técnica de Operação Florestal do Brasil é inaugurada.

O que faz a Klabin (KLBN11)?

A atividade principal da Klabin está relacionada a produção e exportação de papéis e embalagens. 

Desse modo, a companhia atua em 4 unidades de negócios, dentre elas:

  1. Florestal: relaciona-se a matéria-prima para produção de celulose;
  2. Celulose: a empresa produz e fornece três tipos de celulose, como a fibra curta (eucalipto), fibra longa (pínus) e fluff;
  3. Embalagem: a companhia fornece embalagens em papelão ondulado e Sack Kraft;
  4. Papéis: a Klabin busca produzir papéis e cartões mediante a utilização de celulose própria.

Em síntese, percebe-se que a empresa busca oferecer produtos diversos, para atingir e suprir a demanda de seus clientes.

Como atua a Klabin (KLBN11)?

A Klabin (KLBN11) é considerada uma das maiores produtoras e exportadoras de papéis do Brasil.

A empresa possui, em média, 17 unidades industriais, sendo 16 unidades no Brasil, e 1 na Argentina. Além disso, produz mais de 1,5 milhão de toneladas de celulose de fibra curta e longa por ano.

A Klabin também detém mais de 230 mil hectares de florestas plantadas, e uma média de 5 árvores plantadas por segundo.

Portanto, é possível perceber que a companhia busca expandir seus negócios no território brasileiro, além de manter um catálogo de produtos variados e produzidos em grande escala. 

As ações da Klabin (KLBN11): onde e como são negociadas?

O ticker da Klabin (KLBN11) é negociado na bolsa de valores brasileira, a B3 (Brasil, Bolsa e Balcão).

As ações da companhia podem ser comercializadas em sistemas digitais, visando simplificar o processo de investimento para os acionistas, além de zelar pela segurança deles.

A companhia é detentora de ações ordinárias (KLBN3 ON) que dão direito ao voto durante as assembleias empresariais, ações preferenciais (KLBN4 PN), que garantem prioridade no recebimento de dividendos, e ações Unit (KLBN11 UNIT) que integram as ações ordinárias e preferenciais. 

Desse modo, para realizar a aquisição de ações da Klabin, é importante que o investidor inicie a abertura de uma conta numa corretora de valores.

Posteriormente, será necessário realizar uma transferência TED, com o valor desejado para realizar a negociação, após isso, será possível selecionar as ações da Klabin, mencionadas como KLBN3, KLBN4 e KLBN11.

Características das ações da Klabin (KLBN11)

As ações da Klabin estão distribuídas na B3 (Brasil, Bolsa e Balcão) e possuem as seguintes características: 

A classificação setorial da Klabin (KLBN11) através das informações divulgadas pela B3 é: Materiais Básicos, Madeira e Papel e Papel e Celulose

Além disso, seu segmento de listagem na bolsa de valores é o Nível 2.

Suas ações oferecem Tag Along de 100% ON, 100% PN e 100% UN, além de free float de 54,29%.

Como ganhar dinheiro com as ações da Klabin (KLBN11)?

klb11 ações da kablin investimento

Primeiramente, é importante compreender que existem maneiras variadas de adquirir múltiplos vantajosos (lucros) com as ações da Klabin na B3.

Dentre essas maneiras, pode-se incluir o recebimento de dividendos, dado que a companhia possui em seu histórico um pagamento recorrente de proventos.

Além disso, existe a possibilidade do acionista adquirir lucro mediante a venda de suas ações por um valor superior ao adquirido anteriormente.

No entanto, é importante ficar atento a questões que possibilitam realizar investimentos com segurança e consciência, como através de uma diversificação da carteira que inclua ativos de renda fixa e renda variável.

De todo modo, é válido que o investidor analise a liquidez, rentabilidade e segurança das ações antes de adquiri-las na bolsa de valores. 

Vale a pena investir na Klabin (KLBN11)?

A Klabin (KLBN11) é uma das líderes na produção de papéis e embalagens do Brasil.

É importante destacar que a empresa possui um modelo integrado de negócio, operando de maneira verticalizada, desde a produção florestal, até a produção dos papéis e embalagens, gerando ganhos com sinergia.

Entretanto, a companhia atua em um setor que apresenta um comportamento cíclico, visto que possui relação direta com o crescimento econômico brasileiro. Logo, pode causar oscilações nos resultados da Klabin.

Dessa maneira, antes de investir em alguma ação, é de extrema relevância realizar uma análise fundamentalista para garantir aplicações realizadas de maneira segura, seja com a Klabin (KLBN11) ou com outra companhia que integre a bolsa de valores. 

Escrito por

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Compartilhe conosco suas experiências

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

connect

we'd love to have your feedback on your experience so far

bicycle