Liquidação antecipada: entenda as vantagens

liquidacao antecipada 2

Fazer uma liquidação antecipada pode gerar algumas dúvidas e inseguranças para os devedores. Entretanto, esse processo tem sido bastante facilitado pelas instituições e pode auxiliar em manter a sua boa educação financeira.

A liquidação antecipada pode ser uma ótima opção para quem recebe alguma quantia inesperada. Ela pode representar um grande alívio nas finanças.

Como funciona a liquidação antecipada?

liquidacao-antecipada-2

Quando alguém escolhe pagar uma dívida antes do prazo de pagamento, está fazendo uma liquidação antecipada.

Também chamada de quitação antecipada, as instituições são obrigadas pelo Banco Central a oferecer uma redução proporcional dos juros cobrados sempre que o pagamento for feito antes do vencimento.

Porém, para não disponibilizar o desconto nos juros, alguns bancos acabam dificultando esse procedimento. Entretanto, vale lembrar que esse é um direito do cliente.

Quais dívidas podem ter liquidação antecipada?

As dívidas que forem contratadas em bancos e outras instituições financeiras podem ser liquidadas antecipadamente e resultarem em um desconto no montante da dívida a ser pago.

Nesse sentido, a liquidação antecipada é permitida em:

Além disso, a liquidação antecipada também inclui operações de crédito e contratos de arrendamento mercantil que sejam autorizados pelo Banco Central.

Entretanto, em consórcios, a liquidação antecipada não pode ser feita. Isso porque, além de ser um financiamento entre os integrantes, suas parcelas não têm juros.

Como é calculado o desconto nos juros?

O desconto no valor é proporcional ao prazo atualizado da operação. Isso significa que, ao antecipar uma parcela, os juros serão calculados a partir do dia do pagamento até o prazo final.

Isso ocorre, pois, ao antecipar um pagamento, está´sendo alterando o acordo inicial, incluindo seus juros e prazos.

Existe uma fórmula para calcular o desconto na antecipação de pagamento de empréstimo, regulamentada pelo BACEN.

Ela é calculada considerando a taxa média Selic (TMS) no momento da contratação e liquidação.

Assim, a taxa contratada é reduzida pela soma entre a TMS na data de contratação e liquidação.

Por exemplo:

Uma pessoa contrata um empréstimo com uma taxa de 15% a.a. em janeiro de 2018 e decide pela liquidação antecipada em 2019.

Com a taxa Selic no período inicial de 9,80% a.a. e no momento de quitação de 12,40% a.a. a conta ficaria:

15 – 9,80 + 12,40 = 17,60% a.a.

Nesse caso, essa seria a taxa de desconto dos juros que seria utilizada no cálculo da dívida.

Quais as vantagens de fazer a liquidação antecipada?

Atualmente, é proibida a cobrança de tarifa para antecipar pagamento. Além disso, existem diversas vantagens em quitar saldo devedor.

Ao possuir dívidas em seu nome, elas acumulam diariamente diversos juros. A quitação com desconto ocorre, pois você estará reduzindo seu saldo médio diário.

Além disso, o pagamento antecipado é bastante favorável para o aumento da pontuação de crédito, conhecida como score. Ele é analisado pelas instituições e serve como um tipo de “reputação” de pagamento de dívidas.

Após quitar dívidas, você experiência um grande alívio por se livrar de uma grande responsabilidade financeira.

Entretanto, é preciso estar atento para não criar logo em seguida novas dívidas. Um bom planejamento pode lhe ajudar a manter a sua saúde financeira.

Caso alguma instituição se negue ou dificulte a liquidação antecipada, procure o PROCON de sua região para fazer uma reclamação. Esse direito é garantido pelo Código de Defesa do Consumidor e deve ser facilitado pelos bancos. Acompanhe a carta do fundador com conteúdos diários e gratuitos!

Acesso rápido

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Arthur Dantas Lemos

Arthur Dantas Lemos

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Comentários:

Últimos artigos