Entenda como criar um mapa da empatia e conhecer seu cliente ideal!

mapa da empatia 1 1

O sonho de empreender é presente na vida de muitos brasileiros. Mas junto com o sonho, surgem alguns medos. Um dos principais receios de quem quer abrir um negócio, é saber quem são os futuros clientes. Essa análise pode ser realizada através do mapa da empatia.

O mapa da empatia é uma ferramenta visual que facilita a identificar o cliente ideal. Através de alguns quadrantes que preenchem o mapa, é possível traçar os perfis de potenciais consumidores do produto ou da prestação de serviço que será comercializada.

A utilização do mapa da empatia permite a visão e o aprofundamento de colocar-se no lugar dos clientes para entender o que formam as suas características. A função do mapa da empatia é prototipar e criar hipóteses sobre o público-alvo desejado.

Quais são os quadrantes do mapa da empatia?

mapa-da-empatia

Para preencher o mapa da empatia é preciso ir além do que o potencial consumidor fala. Em uma pesquisa de público, as pessoas podem ser levadas a responderem o que acham que a pessoa que está perguntando quer ouvir.

Por isso, é para fazer uma boa análise e desenvolver um mapa da empatia que traga recursos reais para utilização na vida da empresa, é preciso estar atento a seis quadrantes: o que ele escuta; o que ele vê; o que ele fala e faz; o que pensa e sente; quais são suas dores e quais são os desejos de ganho.

Através da percepção dos seis quadrantes é possível fazer uma análise de público mais precisa. Cada uma das etapas precisa responder às questões específicas.

Escuta

O que as pessoas que possuem algum tipo de influência sobre o cliente pode falar que, de certa forma, possam impactar de maneira positiva ou negativa.

O que o cliente visualiza em base dos ambientes que frequenta e em qual contexto social está inserido.

Fala e faz

O que suas atitudes em público dizem sobre o comportamento e aparência pessoal, bem como, a relação com outras pessoas.

Pensa e sente

O que realmente passa no íntimo. Essa questão vai além do que é falado pelo o potencial cliente, é preciso compreender todos os sinais entregues.

Dores

Quais são os medos, frustrações e outros quesitos que impedem que o cliente consiga alcançar os sonhos que deseja.

Ganhos

Quais são os termômetros utilizados para medir sucesso, o que significa a superação de medos e afins.

O método criado pela consultoria de design thinking traz diversas respostas através das perguntas do mapa da empatia. Ou seja, facilita a vida do empreendedor que quer saber onde está o seu público e como cativá-lo.

Além disso, as vantagens do mapa da empatia mais do que isso abrange o business model canva que reúne informações coletadas no decorrer da pesquisa, unindo a exploração do campo com os entrevistados, os concorrentes e o diferencial que será exposto no negócio.

  • Qual o cenário;
  • Quais são as personas;
  • Qual é a oportunidade;
  • Quais são os diferenciais;
  • Quem são os concorrentes;
  • Qual a proposta e valor;
  • Qual a função do negócio;
  • Quais as ideias;
  • Qual a solução entregue;
  • De que forma será realizado;
  • Como será a experiência de uso;
  • Como será feita a retenção;
  • De que forma terá a validação do negócio;
  • Como pode ser adquirido;
  • Qual a forma de monetização da ideia.

É um exemplo de mapa da empatia respondido através do canva.

Por isso, é importante conhecer e implementar o mapa da empatia para conseguir encontrar o público ideal para o negócio e crescer de forma considerável. Para mais dicas como essa, assine nossa newsletter no WhatsApp e receba ainda mais conteúdos gratuitos!

Acesso rápido

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Arthur Dantas Lemos

Arthur Dantas Lemos

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimos artigos