Como estudar o poder aquisitivo dos meus clientes e vender mais?

poder aquisitivo

Para conseguir calcular uma taxa para o mercado que se deseja atingir, é preciso conhecer o poder aquisitivo dos potenciais consumidores. Assim, a chance de errar na disponibilidade do negócio é diminuída de forma significante.

Ou seja, mesmo que aquela parcela da sociedade não tenha relação direta com o seu produto, estudar o poder aquisitivo traz recursos palpáveis para entender se haverá uma possibilidade de relação de compra.

O poder aquisitivo é a capacidade financeira que a população de um país tem para adquirir bens e serviços.

O poder de compra no Brasil é analisado através da Paridade do Poder de Compra (PPC) ou Paridade do Poder Aquisitivo (PPA), em comparação entre dois países.

Por que é importante conhecer o poder aquisitivo da população que o negócio deseja atingir?

poder-aquisitivo

Para abrir um negócio com maior probabilidade de sucesso, é primordial entender qual o contexto financeiro que os clientes da marca possuem.

Isto é, entregar um produto ou serviço que ‘caiba’ no bolso de quem for adquiri-lo.

O poder de compra brasileiro não é o mesmo que em outros países. O erro comum pode ser na abertura de franquias, por exemplo.

Às vezes, um empresário que inaugura uma franquia em determinada área de outro país espera o mesmo retorno financeiro.

No entanto, é preciso entender que a situação econômica de cada país é variável, fatores de localização geográfica dentro de um mesmo país também interferem nesse recebimento.

Para conseguir ter uma empresa sustentável é preciso estabelecer preços dentro do poder aquisitivo financeiro do público alvo. Uma boa pesquisa evita prejuízos futuros.

Se baseado o poder de compra no salário mínimo significa que, se o salário não acompanha a inflação o poder de compra cai.

Por exemplo, se em um período de dois anos a inflação subiu e o salário não, com R$ 10,00 não será possível comprar as mesmas coisas nos anos posteriores.

Se os produtos e serviços aumentam o custo, a remuneração dos cidadãos precisa seguir a mesma linha.

Como calcular?

Utilizando o poder aquisitivo no conceito de PPA ou PPC, é possível calcular e entender quanto uma determinada moeda pode comprar no fator internacional, levando em conta o câmbio real.

Assim, é possível entender se o que aquela população recebe condiz com o custo de vida do local em que mora.

Ou seja, é levado em consideração fatores como moradia, alimentação e outras necessidades essenciais.

O PPA é um importante método comparativo com o Produto Interno Bruto (PIB).

Através do seu cálculo é viabilizado o mapeamento das condições monetárias de um espaço. Por isso, é preciso estar atento ao risco de perda do poder aquisitivo.

É importante compreender que o salário não é o mesmo que o poder aquisitivo.

Por exemplo, alguém que em um determinado período de tempo recebia um salário X e conseguia comprar 100 pacotes de feijão, com a mudança na inflação, recebendo a mesma coisa, pode começar a poder comprar apenas 80 pacotes de feijão.

Ou seja, o salário não mudou, mas o poder aquisitivo, sim. Entender as oscilações e acompanhar as mudanças para que não haja prejuízo financeiro para a empresa e nem perda de clientes, é importante dentro de uma organização. Para mais informações como essa, assine nossa newsletter no WhatsApp e receba ainda mais conteúdos gratuitos!

Acesso rápido

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Arthur Dantas Lemos

Arthur Dantas Lemos

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimos artigos