Home Blog Pregão da Bolsa de Valores: entenda como funciona!

Pregão da Bolsa de Valores: entenda como funciona!

pregão

Quando se fala em investimento em ações, alguns termos acabam confundindo quem não está familiarizado com o mercado financeiro. Um deles é o pregão.

O pregão da bolsa de valores é um procedimento bastante importante para quem investe em ações. Por isso, vale a pena entender como ele funciona!

O que é o Pregão da Bolsa?

O pregão é o momento destinado à oferta de lances e fechamento de negócios de compra e venda de ações na Bolsa de Valores.

Ele é um tipo de procedimento comum ao investimento em ações, se diferenciando dos utilizados em aplicações tradicionais, como em títulos.

O pregão é precedido pelo leilão de pré-abertura, que é um período de 15 minutos em que o sistema da Bolsa registra as ofertas de compra e venda de ações sem que elas estejam efetivamente negociadas.

É nesse momento que os potenciais compradores analisam as melhores oportunidades de ativos e que os vendedores conseguem analisar o mercado para definir o preço de abertura dos papéis.

Após a abertura do pregão, as negociações podem ser concretizadas.

Como funciona a Bolsa de Valores no Brasil?

pregão da bolsa

No Brasil, a Bolsa de Valores não é uma referência para o mercado financeiro, já que possui menos investidores que os títulos de dívidas do governo e a caderneta de poupança, por exemplo.

Sendo um resultado da fusão da BM&FBOVESPA (antiga bolsa de valores) com a CETIP (Central de Custódia e de Liquidação financeira de Títulos), a B3 possui mais de 400 empresas listadas

No entanto, a cada ano, a B3 (Brasil, Bolsa e Balcão) vem crescendo cada vez mais, de acordo com a expectativa de crescimento econômico no Brasil e o aumento do número de investidores escolhendo a Bolsa.

Como funciona o pregão viva voz e o digital?

Existem duas modalidades de pregão que podem ser realizados na Bolsa de Valores.

Para evitar confusões, confira como cada uma delas funciona:

Pregão viva voz

O pregão viva-voz é realizado de maneira presencial entre quem está interessado em comprar ou vender papéis (e seus representantes).

Nele, os registros são feitos de forma manual, marcando-se em cartões as datas e os horários dos lances.

Normalmente, a apuração dos resultados se estende por horas após o encerramento do pregão, o que faz com que os pagamentos em dinheiro levem alguns dias até serem realizados.

A modalidade de pregão viva-voz possui outra limitação, relacionada ao número de participantes, que se limita ao espaço físico destinado aos operadores no centro do círculo de negociações.

Por conta disso, é dada prioridade aos investidores que conseguem aplicar altos valores.

Na Bolsa de Valores brasileira, a B3, essa modalidade foi encerrada em 2005, passando a se tornar completamente digital.

Pregão digital

Para interligar os negociadores de ações por meio da internet, a Bolsa brasileira, na época a Bovespa, começou a implantar o pregão digital em 1997.

Na modalidade de pregão digital, os participantes são reunidos em um ambiente virtual, ao mesmo tempo, sem limite de vagas.

Com essa diminuição de processos, o acesso ao mercado de ações se tornou democratizado.

O sistema utilizado pela Bolsa de Valores cruza as informações de lances e ofertas de ações, com o objetivo de fechar negócios de forma automatizada.

Com isso, o pregão eletrônico da Bolsa conseguiu criar mercados antes impossíveis e aumentar a velocidade das negociações.

A plataforma que disponibiliza o acesso aos interessados em negociar ações é chamada de Home Broker.

Qual o horário de operação do pregão?

O período de funcionamento do pregão da B3 se inicia às 10 horas e finaliza às 17 horas.

Somente durante esse tempo é que ocorrem as compras e vendas de ações. Por isso, é importante ficar atento ao horário para planejar seus lances.

Alguns investidores também aguardam o horário de abertura de Wall Street, que é a Bolsa mais relevante do mundo.

Isso porque os papéis emitidos por empresas multinacionais costumam ter maior liquidez durante o pregão da Bolsa Americana.

Call de fechamento

O Call de Fechamento, ou Leilão de Fechamento, ocorre durante os cinco últimos minutos de funcionamento do pregão, entre as 16h55m e as 17h.

Nele, são negociados apenas ativos que façam parte de alguma carteira de Índices da Bovespa, e não necessariamente do Ibovespa.

After market

O After Market é o período em que é possível realizar operações no mercado de ações, mesmo quando o pregão é finalizado.

No entanto, só podem participar ativos que façam parte do índice Ibovespa e que foram negociados das 10h às 17h à vista.

Ele costuma iniciar entre às 15h30m e às 17h05m, finalizando sempre às 18h.

Sendo assim, existem diversas formas de negociar ações na Bolsa de Valores Brasileira e conseguir lucrar, dentro ou fora do Pregão.

Escrito por

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Compartilhe conosco suas experiências

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *