Pretensão salarial: você sabe qual a sua?

pretensao salarial 2

Não ser pego de surpresa quando questionado sobre a pretensão salarial é um sinal de maturidade do candidato na hora da seleção.

A pretensão salarial funciona como um cálculo hipotético de quais valores salariais atendem os requisitos de um individuo. Apesar de hipotético, esse valor é proporcional a uma série de fatores, como: conhecimento, aptidões e necessidades.

Portanto, a pretensão salarial é uma estimativa baseada em alguns fatores mercadológicos, sociais e de autoconhecimento, levando a prospecção dos gastos fixos e os custos de vida.

Essa estimativa é geralmente usada como base em um momento de negociação salarial.

Entenda como definir o salário ideal

Como definir o salário? Na hora de definir um salário ideal é preciso ponderar sob a ótica de algumas questões, entre elas:

Custo de vida

Esse é o momento para pensar quanto de um salário ideal estaria destinado para manter os custos com despesas fixas, como:

  • Contas de água, luz e internet;
  • Compra de mantimentos;
  • Transporte.

Média salarial

Saber qual é a faixa salarial da sua profissão ajuda nesse prognóstico de média. Para isso, é viável pesquisar na internet ou até mesmo conversar com outros profissionais.

Caso tenha realizado algum trabalho assalariado prévio, é valido ponderar sobre seu último salário. Mas é preciso levar em conta o decréscimo de promoções e bônus.

Para calcular pretensão salarial é necessário ter como base sua carreira, se é iniciante, possui experiências profissionais e conhecimento etc.

Claro, não pode-se considerar valores exorbitantes, mas em contrapartida, todos os fatores citados devem ser levados em conta.

Circunstâncias atuais

A depender da situação, por exemplo, desempregado há algum tempo, um salário próximo à média salarial pode ser o ideal por enquanto.

O importante é não ficar parado e analisar as progressões de carreira. Se forem boas, pode até compensar receber um pouco menos que a média salarial.

Valores abaixo da média

Apesar de ser uma escolha difícil e situacional, também não pode ser uma desvalorização do seu trabalho.

Geralmente, o mercado regula o salário, então, é prudente basear na média mercadológica e não aceitar preços muito inferiores.

Em uma entrevista de emprego., se tiver que sugerir pretensão salarial: uma opção é escolher um range ou escala, por exemplo, de R$2.000 a R$3.000, mas evitar uma precificação exata.

Opte por o trabalho que apresenta melhores benefícios e salários: empresa 1 oferece mil reais e benefícios (vale transporte, plano de saúde, vale refeição e alimentação). Já a empresa 2, oferta R$1.300 e sem benefícios.

Nessa situação, a empresa 1 é melhor.

O momento da negociação de salário

A negociação do salário é, sobretudo, uma ação de educação financeira, empoderamento e cuidado com as finanças pessoais.

Por isso, é necessário entender como se comportar da melhor forma nesse tipo de situação, e assim alcançar o acordo mais vantajoso possível.

A entrevista de emprego é um momento propicio de negociação, mas apenas quando solicitada. Em alguns casos, o salário já é discriminado na divulgação da vaga e é recomendado aceitá-lo.

Um momento importante antes negociação de salário é pensar em uma margem ou salário ideal. Após isso, acrescente um valor acima, assim, terá uma margem de negociação.

Ainda se a vaga não for ofertada com o salário, o próprio currículo e a carta de apresentação servirão de base para o entrevistador chegar a um valor salarial.

Contudo, tanto na carta de apresentação quanto no currículo, não é recomendado colocar preços e pretensão salarial.

Seja no momento de entrada ou se já estiver estabelecido na empresa, é importante entender que é preciso levar em conta a realidade da empresa.

A progressão salarial deve ser condizente com o desenvolvimento da empresa, as responsabilidades e tarefas do seu cargo.

Por isso, é importante saber esperar a empresa abordar o assunto e quando abordado, saber qual é a realidade que a empresa se encontra. Isso vai te ajudar a manter uma progressão salarial saudável.

Por fim, a pretensão salarial é um exercício de autocrítica e autoconhecimento. Saber defini-la bem é a chave para ter uma boa entrevista de emprego e conseguir um bom salário.

Acesso rápido

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Arthur Dantas Lemos

Arthur Dantas Lemos

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimos artigos