Price Action: entenda como essa análise funciona!

PRICE ACTION

O Price Action, ou ação do preço, é uma prática comum no trading que utiliza da análise técnica para identificar tendências no mercado. 

Na prática, o Price Action trata-se do estudo do movimento dos preços de um ativo exposto em um gráfico durante determinado período. Ou seja, ele é todo e qualquer movimento que o preço desenha no gráfico.

Portanto, pode ser interessante para o trader, bem como para investidores em geral, entender como o price action funciona.

Como o price action funciona?

O price action funciona como uma análise dos movimentos que o preço de um ativo traça dentro de um gráfico de preços. Isso porque o método consiste no estudo dessas oscilações. 

Para isso, o investidor observa o desempenho do preço do ativo no mercado. Assim, é possível identificar tendências de alta ou baixa de um determinado ativo.

Exemplo de análise price action

Podemos supor que um investidor tenha expectativa de identificar tendência de alta no mercado. Com objetivo de reconhecer as oscilações no preço de um ativo dentro de um determinado período, ele utiliza a técnica do price action.

Desse modo, em uma operação com direcionamento de alta, espera-se que o valor do ativo fique sempre acima da última movimentação de alta.

Ou seja, no momento em que esse ativo oscilar e houver uma queda na sua cotação, ela não deveria diminuir mais do que a última movimentação de baixa.

Assim, o investidor consegue efetivamente identificar uma movimentação de alta por meio da técnica de ação do preço.

De mesmo modo, caso o investidor queira identificar uma tendência de baixa, ele pode analisar se o preço continua em movimento de queda.

Além disso, ele também reconhece quando ocorre uma oscilação de alta. E, assim, identifica se a cotação do preço é inferior à anterior.

Price action e Trend Following

Portanto, é possível considerar o price action como uma forma de Trend Following. 

O trend following significa seguir tendências, em tradução livre. Isso porque é uma maneira de investir na bolsa de valores fundamentada na tendência de alta ou queda nos preços de um ativo. 

Além disso, é possível operar o price action juntamente com outros indicadores de mercado.

O que é price action?

PRICE ACTION 2

Primeiramente, destaca-se que o price action utiliza da Análise Técnica, também conhecida como Análise Gráfica de ações, para distinguir tendências no mercado. 

A análise técnica é um método de entender as oscilações nos preços dos ativos no mercado. Isso ocorre por meio do estudo de gráficos e dados. Além dos padrões gráficos, esse método também utiliza indicadores técnicos.

Costuma-se usar essa análise em operações de day trade.

O que é day trade?

O day trade é um processo de venda e compra de ações no mesmo dia. Esse método direciona-se a operações em renda variável (bolsa de valores). Ademais, ele possui a finalidade de lucrar sobre a alta ou queda de uma ação.

As operações de day trade ocorrem, geralmente, por meio de uma corretora

Contudo, essas atividades podem ser consideradas complexas. Por isso, quem opera o day trade é o trader. O trader é o profissional especializado na prática.

Assim, o estudo da análise gráfica é baseado, principalmente, por dois conceitos:

Tendências

A princípio, cabe ressaltar que não existe uma segurança quanto ao processo da tendência. Ou seja, é comum haver oscilações nos preços e os resultados nem sempre serão os mesmos. 

A tendência trata-se da direção que se imagina que um preço pode seguir.

Existem três tipos de tendências principais:

  • Variações para os lados;
  • Para baixo;
  • Para cima.

Podemos supor que um gráfico apresenta uma tendência de queda (desvalorização). A partir disso, o trader pode definir uma determinada área para realizar a venda do ativo.

Movimentos

O movimento trata-se da oscilação no valor dos ativos. 

Por exemplo, um ativo pode estar em queda e, após algumas horas, voltar a subir. Isso não exclui a possibilidade do ativo mais uma vez, em pouco tempo, tornar a se desvalorizar.

Ou seja, os movimentos funcionam como um meio de identificar as tendências.

Assim, o price action é a análise da ação dos preços, isto é, do movimento nos valores dos ativos no mercado. 

Como operar em price action?

Além da tendência alta ou baixa, a ação do preço também faz uso de conceitos como:

  • Candlestick;
  •  Volume;
  •  Breakout. 

Candlestick

O Candlestick é um método de representação de gráficos utilizado no mercado de ações. Cada candle representa quatro pontos relacionados a um determinado período que se está analisando.

Esses pontos são: o preço de abertura, de fechamento, a máxima e a mínima.

Volume

Volume, no mercado financeiro, é a quantidade comprada e vendida de um ativo ou conjunto de ativos em um determinado período. Utilizam-se indicadores de volatilidade para as análises de volume.

Breakout

O Breakout, ou rompimento, acontece a partir de uma mudança no comportamento do mercado após um período de acumulação ou congestão.

Assim, o trader analisa os preços dos ativos expostos no gráfico. A partir dessa técnica, ele opta pela melhor decisão a ser tomada.

Além disso, o price action pode auxiliar o investidor a identificar o comportamento dos preços e suas variações. 

Ele também pode servir, por exemplo, como um indicador sobre o momento certo de comprar ou vender uma ação. Porém, essa determinação depende dos objetivos financeiros do trader.

Price action: vantagens e desvantagens

O Price Action apresenta algumas vantagens sobre os indicadores de análise técnica, são elas:

  • Facilidade de leitura;
  • Versatilidade;
  • Leitura limitada;
  • Não há uso de indicadores variados

Facilidade de leitura

A leitura do método é clara. Ela necessita primordialmente da observação do investidor na direção dos fundos e dos topos do gráfico. Assim, é possível identificar a tendência dos preços do ativo.

Versatilidade

O price action pode ser usado para analisar qualquer ativo, em qualquer período. Entretanto, são necessárias duas condições para que isso seja possível. São elas: liquidez e movimentação constante.

Por outro lado, ele também conta com desvantagens, por exemplo:

Leitura limitada

Isso porque a leitura da ação dos preços não traz todos os conceitos por trás da conjuntura dos padrões presentes no gráfico, por exemplo, os candles. 

Ou seja, essa leitura pode ser considerada insuficiente para os investidores que desejam uma análise mais completa.

Não há uso de indicadores variados

A técnica do price action não exige o uso de indicadores. Isso pode ser visto como um risco para o investidor que prefere operar amparado sobre a análise de indicadores econômicos.

No entanto, é possível atrelar o método ao uso de indicadores na leitura do gráfico.

Vale a pena utilizar o price action?

Primeiramente, destaca-se que a análise da ação dos preços não é infalível. Isso significa que o aprimoramento da técnica de observação dos preços pode ser interessante para o investidor que opera ou gostaria de operar com esse método.

Portanto, o price action pode ser útil para identificar tendências no mercado, bem como para operar de modo estratégico conforme essas tendências. 


Para isso, o ideal é que o investidor conheça bem os seus objetivos financeiros. Desse modo, é possível reconhecer se o price action é a melhor opção para realizar suas aplicações com mais segurança e autonomia.

O que significa price action?

O price action, ou “ação do preço” em tradução livre para o português, é a análise do movimento nos valores dos ativos no mercado.

Como estudar price action?

É possível avaliar o price action e identificar tendências no mercado por meio de estudos próprios da análise técnica, isto é, através da observação de gráficos e dados.

Para que serve o price action?

O price action pode servir como um indicador sobre o momento ideal para comprar ou vender uma ação no mercado financeiro. Isso porque ele trata-se da análise do movimento nos preços dos ativos no mercado.

Acesso rápido

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Arthur Dantas Lemos

Arthur Dantas Lemos

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimos artigos