Entenda por que fazer a recuperação de crédito dos seus clientes

recuperacao de creditos

Devido à crise ou descontrole financeiro, algumas empresas apresentam uma lista de clientes inadimplentes. Ou seja, há prejuízo pela venda ou aquisição por ter aquele recebimento travado. Para reverter essa situação, é necessário trabalhar com a recuperação de crédito.

A recuperação de crédito funciona por meio de um contato e negociação com determinados consumidores em relação a uma pendência ou dívida. Nesse caso, é comum que empresas contratem uma central de atendimento especializado na questão da negociação.

Então, a recuperação de crédito é uma forma de resgatar determinados devedores e auxiliar empresas com os ativos e pendências.

Existem, inclusive, alguns negócios que são especializas em negociar ou assumir a carteira de devedores de outras empresas. É preciso estar atento para que essa atividade não influencie negativamente na educação financeira!

Qual a diferença entre a cobrança e a recuperação de crédito?

Recuperação de crédito inadimplentes é uma forma de entrar em contato com o consumidor que possuí uma dívida em aberto e tentar negociá-la para que o crédito seja pago.

Geralmente, os créditos inadimplentes apresentam propostas que fogem da realidade do devedor e, por isso, tendem a não ser pagos. Contudo, as empresas recuperadoras de crédito atuam sobre a proposta de negociar essa dívida para que ela fique acessível.

Em relação a diferença de uma empresa de cobrança e as empresas de recuperação de crédito, vale entender que uma tem a intenção de lembrar ou apelar para que seja paga uma dívida, a outra tem a intenção de recuperar e negociar o pagamento, respectivamente.

Portanto, a cobrança é um lembrete de que a dívida não foi paga e um apelo para que se execute o pagamento.

Já a recuperação de crédito é diferente nesse aspecto, sendo mais uma forma de negociar para que o valor possa ser pago pelo consumidor.

Dessa forma, saber sobre recuperação de crédito permite que empresas adquiriram um capital que antes era considerado “perdido”, e através dessa manobra, ainda melhorar o relacionamento com o cliente e manter um bom vínculo entre as partes.

Sendo assim, a diferença entre cobrança e recuperação é:

  • A cobrança apresenta um maior desgaste e, geralmente, é feita pela própria empresa concessora do crédito;
  • A recuperação tem uma margem de relacionamento diferente, podendo ser feita por terceiros ou por empresas especializadas.

Além disso, por vezes, a recuperação apresenta menor desgaste quanto ao cliente e até mesmo uma manutenção de relacionamento.

Quais são os benefícios da negociação de crédito?

As recuperadoras de créditos são pautadas na negociação de um capital considerado inativo ou pendente, as dívidas não pagas. Por sua vez, o papel da recuperadora de crédito é auxiliar os consumidores e empresas no quesito de:

  • Ajudar empresas a reaver o capital preso nas dívidas;
  • Negociar diretamente com os clientes e, assim, desgastar menos a imagem da empresa;
  • Oferecer oportunidades mais atrativas (para ambos).

Por fim, a recuperação de crédito é uma forma colaborativa de negociar uma dívida que estava em limbo. Por isso, é importante que o cliente se porte de forma aberta e seja honesto quanto a sua realidade. Dessa maneira, a empresa irá compreender melhor sua situação e tentar chegar em um acordo que sirva para ambos.

Acesso rápido

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Arthur Dantas Lemos

Arthur Dantas Lemos

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimos artigos