Home Blog Risco e retorno: entenda o que significa!

Risco e retorno: entenda o que significa!

risco e retorno 2

Muito se fala sobre risco e retorno no mundo dos investimentos, principalmente, em se tratando de renda variável.

No entanto, risco e retorno não costumam ser associados com tanta tranquilidade por parte dos investidores. Em grande maioria, se forem investidores iniciantes.

O que é risco e retorno?

 

Como o próprio nome sugere, o risco e retorno estão ligados ao grau de incerteza sobre determinado investimento.

Em outras palavras, normalmente, quanto maior o risco envolvido, maior é a chance de retorno sobre aquela aplicação.

Uma comparação simples é a própria renda variável frente à renda fixa.

Onde, a renda fixa, por ter maiores previsibilidades, oferece uma rentabilidade menor do que um investidor poderia conseguir aplicando o mesmo valor, durante o mesmo tempo, na renda variável.

É importante lembrar nesse ponto que, a renda variável não é uma promessa de retorno. Mas, existe chances consideravelmente superiores se confrontada com a renda fixa.

Qual a diferença de renda fixa e renda variável?

Em forma conceitual, a renda fixa é uma forma de investimento em títulos de dívidas e umas das suas características é que, o investidor pode saber no momento da aplicação:

  • Quais são as regras daquele investimento;
  • Quais são as taxas envolvidas;
  • Qual a previsibilidade de retorno no vencimento;
  • Baixa exposição e menor potencial de retorno.

Na renda variável, é uma forma de investimento em ativos financeiros, como, ações, fundos de investimentos, imóveis e afins. Algumas características dessa modalidade:

  • Quais são as regras e taxas envolvidas;
  • Maior oscilação no capital aportado;
  • Alta exposição e maior potencial de retorno.

Essa diferenciação é um ponto indispensável para evitar frustrações. Porque, muitas pessoas procuram altas rentabilidades, mas não estão dispostas a “colocar a pele no jogo”.

E isso não significa dizer apostar todas as fichas em um só lugar, mas entender que, só é possível esperar grandes rentabilidades se houver riscos envolvidos. É assim que funciona o mundo dos investimentos.

Tipos de riscos de investimentos

Existem diversos tipos de riscos que podem estar envolvidos em um investimento. E cada modalidade possui as suas particularidades.

É essencial que, antes de tudo, o investidor procure conhecer mais sobre a modalidade a ser investida. E, só depois, realize o aporte.

Alguns dos possíveis riscos que o investidor pode encontrar são os riscos de:

  • Mercado;
  • Operacional;
  • Liquidez.

Mercado

É relativo as possíveis perdas resultantes de variação dos preços de mercado dos ativos.

Operacional

É relacionado a qualidade do serviço que uma instituição entrega. Ou seja, o risco operacional está diretamente ligado a problemas como: falha nos equipamentos e afins.

Liquidez

Sofre variações de acordo com a ausência de recursos monetários para concluir aplicações de acordo com a data de liquidação ou outros tipos de problemas (ex: demanda de mercado).

Arriscar: até que ponto se deve fazê-lo?

Para responder a pergunta de “qual o nível de risco que devo correr em um investimento?”, é preciso entender o perfil particular de investimentos e a sua capacidade de exposição.

  • Perfil conservador: investidor que possui muita aversão ao risco e não está disposto a se expor no mercado financeiro. Assim, opta por investir apenas em renda fixa;
  • Perfil moderado: esse tipo de investidor está disposto a expor apenas parte do seu capital. Dessa forma, pode investir parte do capital em renda fixa e outra, em renda variável;
  • Perfil agressivo: o perfil agressivo está ligado diretamente com as chances de rentabilidade. Esse investidor aplica a maior parte do seu dinheiro em renda variável.

Já, a capacidade de risco não está relacionada diretamente a quanto o investidor está disposto a “perder”, mas quanto ele, efetivamente, pode “perder” sem prejudicar sua saúde financeira e sua qualidade de vida (é preciso estar atento também nos vieses do investidor).

Então, depois de avaliar qual é o seu perfil de investimento e a sua capacidade de risco, é possível ter um entendimento próprio sobre até que ponto se pode arriscar na busca por melhores rentabilidades na renda variável.

Um ponto indispensável é construir uma carteira de investimentos diversificada. Assim, você não “aposta” todas as fichas em um único “cavalo”.

Quais são os investimentos de maior risco?

Ainda que as ações sejam um dos investimentos mais conhecidos quando se trata de risco e retorno, existem outros tipos de investimentos que acompanham a mesma base de exposição:

Existe uma maneira de diminuir o risco?

A diversificação pode ser a chave do sucesso, mas não apenas ela.

O conhecimento é uma das principais ferramentas que o investidor pode utilizar para conseguir construir uma riqueza sustentável.

Existem casos de pessoas que recém chegaram no campo dos investimentos, seja em renda fixa ou renda variável, e são levadas por um “canto da sereia”.

Promessas como “fique rico rápido”, são utilizadas para conseguir ludibriar pessoas que não possuem muito conhecimento sobre retorno e risco, tipos de aplicações e afins.

Portanto, antes de começar a fazer aportes mensais para alcançar uma alta rentabilidade, é indispensável pensar em investir em conhecimento. Seja em livros de investimentos, filmes, cursos ou afins.

O conhecimento é o maior ativo que um investidor pode ter! Assim, o risco e retorno não são vistos como palavras tão perigosas.

Escrito por

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Compartilhe conosco suas experiências

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

connect

we'd love to have your feedback on your experience so far

bicycle