Home Blog Entenda como funciona o setor econômico!

Entenda como funciona o setor econômico!

setor economico

Quem investe na renda variável, sobretudo em ações, deve estar atento ao setor econômico no qual o ativo em que investiu faz parte.

Por isso, é possível entender bem o conceito de setor econômico e por que isso é tão importante para seus investimentos.

O que é um setor econômico?

O setor econômico de uma empresa diz sobre a área de atuação daquele negócio.

Essa é uma dúvida que muitos investidores iniciantes têm: o que é um setor econômico de um empresa?

Nada melhor para explicar esse conceito da economia, como com exemplos.

Você deve saber que empresas como o Itaú, Bradesco e Banco do Brasil pertencem a um mesmo nicho, que é o setor bancário.

Esse setor econômico é, sem dúvidas, um dos setores mais populares na bolsa de valores, dado o grande número de bancos e instituições financeiras na bolsa de valores.

No entanto, caso você queria investir na bolsa de valores brasileira, é possível encontrar empresas de diversos setores, como:

  • Vestuários;
  • Alimentício;
  • Educacional;
  • Metalúrgico;
  • Financeiro;
  • Imobiliário.

Esses são apenas poucos dos diversos setores que estão presentes na bolsa de valores (B3).

Diversificar na renda variável através de diferentes setores?

setores economicos 1

Os investimentos de renda variável são conhecidos por possuírem maior volatilidade e risco, embora exista um maior potencial de rentabilidade.

Portanto, é muito importante utilizar estratégias de investimentos para mitigar o risco e aumentar as chances de retornos positivos.

Então, é preciso saber que, uma das mais importantes estratégias, principalmente na renda variável, é a diversificação dos setores econômicos.

Isso é relevante porque alguns setores são mais arriscados e rentáveis que outros.

Além disso, sempre existe um risco associado ao setor econômico, que não necessariamente está ligado ao risco da economia como um todo.

Sempre ocorre de alguns setores terem rendimentos baixos ou negativos enquanto a economia, no geral, cresce e caminha bem.

Desta forma, diversificando seus investimentos em setores econômicos distintos, a probabilidade de seu dinheiro estar concentrado em um setor com rendimento abaixo da média é reduzida.

É importante lembrar que a diversificação é muito eficiente, até mesmo entre investimentos de renda fixa e renda variável.

Melhore setor econômico para investir

Warren Buffet, maior investidor de todos os tempos, sempre defendeu que só é interessante investir em empresas que você entende como funciona o negócio.

Assim, olhando para o caso do setores econômicos, é importante que você invista naqueles que compreende o funcionamento e o que torna empresas mais lucrativas e vantajosas.

Portanto, seguindo a lógica de Buffet, definiremos como melhores setores econômicos aqueles de mais fácil compreensão, sobretudo para o investidor iniciante.

Setor imobiliário

Não é atoa que o setor imobiliário é um dos mais procurados pelos investidores, até mesmo através da compra direta de imóveis para aluguel.

Basicamente, esse setor está em alta quando a economia está em alta. Desta forma, é bem simples analisar e formas expectativas sobre o setor.

Além disso, existem diversas opções de investimentos no setor, como os fundos imobiliários, que podem facilitar muito a vida do investidor.

Setor financeiro

Quando falamos de setor financeiro, estamos incluindo as atividades dos bancos comerciais e de investimentos.

Esse é indubitavelmente um dos setores mais seguros para se investir.

É muito improvável que as empresas do setor financeiro fechem um período operando em prejuízo. Mesmo em período de crise, os bancos e financeiras tendem a ter resultados sólidos.

Além disso, esse é um setor interessante para o foco em recebimento de dividendos.

Setor de vestuário

Assim como o setor imobiliário, o setor de vestuário acompanha muito o ritmo econômico do país.

Portanto, retomadas de crescimento econômico, redução no juro, controle na inflação, são alguns dos indicadores que podem demonstrar que as empresas desse setor terão resultados melhores.

Mas, é importante lembrar que não só esses setores são seguros e interessantes para o investidor.

Existem vários outros setores econômicos, inclusive com muito maior potencial de crescimento do que estes.

Afinal, as empresas do setor bancário, imobiliário e vestuário brasileiras já são bem consolidadas e não possuem muitas oportunidades de aumentar seu market share.

No entanto, setores como o tecnológico, por exemplo, apesar de possuir maior grau de incerteza, possuem grande possibilidade de retorno de longo prazo.

Por isso, é essencial diversificar seus investimentos em vários setores econômicos e aproveitar o melhor que cada setor econômico tem para dar ao investidor.

Escrito por

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Compartilhe conosco suas experiências

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *