O que é a taxa de juros efetiva? Entenda como calculá-la!

taxa de juros efetiva 2

No momento de fazer uma dívida, empréstimo, financiamento ou afins, é preciso se ater ao valor que será cobrado pelo serviço e juros, especialmente, à taxa de juros efetiva.

A taxa de juros efetiva funciona como um cálculo de todo o percentual de taxa em uma negociação ou transação.

Portanto, a taxa de juros efetiva é um tipo de soma de taxas que correspondem ao valor efetivo taxado em uma operação.

Dessa forma, é possível ver qual será o real valor cobrado nas taxas e subsequentemente, o custo efetivo total (o valor total a ser pago em um negócio).

A diferença entre taxas de juros: nominal e efetiva

De maneira simplificada, a taxa de juros nominal ou aparente, corresponde ao valor percentual sem acréscimo de juros e inflação.

Já a taxa de juros efetiva, é corresponde ao valor real, por isso, sempre apresentará uma divergência entre os juros nominais e efetivos, uma vez que o nominal é um valor aparente.

Como calcular os juros efetivos e a fórmula da taxa de juros efetiva

Como calcular os juros efetivos? Em todo contrato que apresente juros e taxas deve-se discriminar o Custo Efetivo Total (CET).

Ele é responsável por dizer o valor real pago por uma operação de empréstimo ou financiamento, levando em conta seus juros e taxas.

Por isso, é importante calcular os juros efetivos e saber quais serão as taxas efetivas, de fato, pagas em uma negociação.

Antes de partir para o cálculo, se faz necessário dizer que existem dois tipos de juros:

  • Os juros compostos;
  • Os juros simples.

Com isso em mente, para chegar no montante, é preciso calcular e usar a fórmula da taxa de juros efetiva.

Ela diverge dependendo do tipo de juros, mas em suma consiste em:

Aplicada em juros simples, a taxa efetiva funciona com a fórmula:

r = (1 + i/n) ^ n – 1.

Nessa fórmula, “r” é o valor de taxa efetiva, “i” significa a taxa de juros nominal e “n” é a quantidade de periodicidade por ano. Por exemplo, com uma taxa de juros nominal de 6% ao mês, i=6% ou 0,06, sendo ela aplicada durante um ano inteiro, 12 meses: n=12.

Então, aplicando na fórmula:

r = [(1 + 0,06/12) ^ 12] – 1;

(1+0,06/12) -> 1,005;

(1,005) ^ 12;

1,0616778 ou apenas 1,0616;

Logo, r= 1,0616 – 1 -> r= 0,0616 ou 6.16%;

Então, a taxa efetiva de juros será de 6.16%.

Cuidados com a taxa

A taxa efetiva de juros deve ser averiguada em comparação com o custo efetivo total de uma negociação. É prudente comparar entre instituições se o caso for pedido de linha de crédito.

Diferentes instituições financeiras e bancos, apresentam a taxa efetiva do empréstimo discriminada junto ao valor de custo efetivo total.

Por lei, toda empresa que presta serviços com taxas e custos administrativos no setor financeiro, deve mostrar para o cliente o valor de custo efetivo total.

Entender a taxa efetiva é um passo importante para a educação financeira pessoal, além de ser uma ferramenta importante para a tomada de decisões relacionadas às suas finanças.

Por fim, a taxa de juros efetiva requer análise minuciosa. Dessa forma, é possível saber custo da operação e se for o caso, desistir de um mau negócio. Mais conteúdos como esse? Inscreva-se no nosso Whatsapp.

Acesso rápido

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Arthur Dantas Lemos

Arthur Dantas Lemos

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimos artigos