Home Blog Ticker: como funciona o código das ações?

Ticker: como funciona o código das ações?

ticker

As bolsas de valores são empresas que lidam com ordens de compra e venda de ações, fundos, ETFs e outros. No caso, a bolsa atua como uma intermediadora entre empresas e investidores, justamente por isso, surge o ticker.

Para facilitar, o ticker funciona como uma etiqueta, as empresas são registradas através desse código e com isso, investidores podem buscar mais facilmente no home broker de alguma corretora de investimentos.

O que é ticker?

O Ticker é o código que simboliza uma empresa, ele é utilizado para negociar ou consultar empresas na bolsa de valores. Geralmente,  ele é uma abreviatura associada ao nome da empresa.

Portanto, o código das ações (ou ticker) são formas identificar empresas que estão na bolsa de valores. Geralmente, esses códigos são demonstrados na mídia com anúncio de baixa ou alta no valor da ação.

No caso, esse valor se dá pelas movimentações de venda e compra, ou seja, a oferta que essas empresas apresentam em relação ao mercado.

Como é gerado o código das ações?

gráfico demonstrando altas e baixas de uma ação

As regras dos códigos mudam conforme a bolsa e o país, por exemplo, na bolsa New York Stock Exchange, os tickers são compostos por letras e números.

Porém, podem apresentar apenas letras e variam até mesmo na quantidade de letras, por exemplo a Apple é conhecida como ‘AAPL’, já a empresa Visa (de cartões) é conhecida pela letra “V”.

Na bolsa Hong Kong Stock Exchange, por exemplo, os tickers são compostos por números para evitar que os caracteres especiais confundam estrangeiros.

Já no mercado brasileiro, o padrão da B3 é composto por quatro letras e alguns números.

Por exemplo, o código ações Magazine Luiza é MGLU3.

Um breve disclaimer: nenhuma ação citada neste artigo deve ser tomada como recomendação.

Vale lembrar também que as empresas são identificadas de diferentes formas a partir da modalidade em que são vendidas suas ações.

Além disso, o próprio ticker contém informações sobre a oferta e o “produto”.

O que significa o número das ações?


O número representa o estilo da ação ou produto. Por exemplo, no mercado à vista, é possível encontrar abreviações (ticker) do nome das empresas com diferentes números, por exemplo: PETR4 (Petrobrás), VALE3 (Vale) e ITUB4 (Itaú).

Ou seja, os números representam se a ação é ordinária, preferencial e outras variações.

Tipos de ação:

  • 3 – (ON) Ação ordinária – Ações ordinárias dão direito à voto;
  • 4 – (PN) Ação preferencial – Ações preferenciais dão a preferência no recebimento de dividendos;
  • 5, 6, 7 e 8 – São ações preferenciais de classes diferentes, inclusive variam de acordo com a empresa emissora.

Qual a diferença entre ON e PN?

A diferença entre ON e PN, (ordinária) ou PN (preferencial), é que nas ordinárias o acionista tem direito à voto em assembleia para decidir sobre questões da empresa.
Já no PN, o acionista tem direito ao recebimento dos dividendos, ou seja, ao lucro distribuído pela empresa em que é acionista.
Vale lembrar que algumas empresas não distribuem, mas sempre há uma justificativa por parte governança corporativa.
Porém, um acionista minoritário (alguém com poucas ações), também pode não apresentar voto relevante.

Direitos e Recibos de Subscrição

Subscrição é o direito de comprar uma ação com prazo e preço determinados previamente, ou seja, quando uma empresa resolve aumentar seu capital em bolsa (capital social) e emitir novas ações, ela dá aos seus acionistas a preferência na compra dos novos papéis.
  • 1 – Direito a subscrição de ON (ordinária);
  • 2 – Direito a subscrição de PN (preferencial);
  • 9 – Recibo de subscrição ON – antes de entrar em sua carteira como uma ON, torna-se final 9, representando um recibo de subscrição, que indica que ela já pode ser negociada pelo preço acordado;
  • 10 – Recibo de subscrição PN – segue a premissa do código final 9, para ações preferenciais;
  • 11 – BDRs e Units;

Nesse caso, os BDRs – Brazilian Depositary Receipts – são certificados de depósitos de ações de companhias do exterior, uma das formas de investir fora do Brasil.

Já os Units, são pacotes de ações preferenciais e ordinárias negociadas em grupo.

Como funciona o Mercado Fracionário de ações?

O Mercado Fracionário significa que você pode comprar frações do lote de ações e não apenas o lote completo (um lote geralmente é equivalente a 100 unidades).

Dessa forma, o investidor aporta valores menores e consegue começar a investir com bem menos.

Para comprar fracionado, basta escrever o código da ação e acrescentar um F ao final, por exemplo:

      1. Ticker + F ao final;
      2. Código da Empresa Itaú + F;
      3. ITUB4F = para comprar frações do ticker ITUB4.

Também existem variações nos códigos das opções e mercado a termo, que seria uma compra futura daquela ações ou popularmente conhecido como “mercado futuro de ações”.

Por fim, o ticker serve para facilitar a vida do investidor, através dele é possível acessar o valor atualizado da empresa através de qualquer home broker.

É importante, nesse caso, averiguar se o ticker está correto antes de realizar a ordem de compra, se a numeração é realmente a do produto que você deseja. Visto que, algumas empresas apresentam opções diferentes como a Taesa que apresenta “TAEE11, TAEE4, TAEE3”.

Escrito por

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Compartilhe conosco suas experiências

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *