Trader esportivo: saiba como esse investimento funciona!

TRADER ESPORTIVO

O mundo financeiro engloba diversas modalidades de investimentos, alguns investidores são atraídos pela isenção de impostos e a possibilidade de investir com um baixo capital inicial, esse é o caso do Trader esportivo.

O trader esportivo é o investidor que aplica na bolsa esportiva. Ou seja, ele pode realizar aplicações a favor ou contra um acontecimento em uma partida esportiva.

Apesar desse tipo de trading evocar um apelo emotivo, o trader esportivo pode utilizar análises fundamentadas para as suas operações. Portanto, pode ser interessante saber como esse investimento funciona e quais estratégias são usadas nessas aplicações.

Como o Trader esportivo atua?

Primeiramente, o trader é o investidor que busca obter lucro com operações de curto prazo (day trade), trabalhando com a volatilidade do mercado. Assim, o trader conhece conceitos de economia e entende o que pode influenciar os preços dos ativos negociados em Bolsa.

O day trade, ou trading, é um processo de venda e compra de ações em um mesmo dia. Esse método é direcionado a operações em renda variável (bolsa de valores), e possui a finalidade de lucrar sobre a alta ou queda de uma ação. 

O trader esportivo pode especular em operações de back ou lay.

  • Back: operações a favor da ocorrência de um evento em uma partida esportiva, isto é, a aposta de que o time será vencedor ou que ocorrerá um empate;
  • Lay: operações contra a ocorrência de um evento em uma partida esportiva, ou seja, a aposta sobre a derrota do time ou a não ocorrência de um empate.

No estudo para a realização das apostas, o trader pode analisar diversos fatores, como por exemplo:

  • Histórico dos times;
  • Posições dos times no campeonato;
  • Desfalque de jogadores;
  • Estratégia do treinador.

Exemplo de como o Trader esportivo opera

Podemos supor que um trader aposte no resultado de empate dentro de uma partida de futebol. Desse modo, se após 15 minutos de jogo os times permanecerem empatados, a cotação do trader sofre uma valorização. 

Assim, o trader pode vender essa cotação por um preço maior.

O trading esportivo é semelhante às operações que acontecem na bolsa de valores. Isso significa que há oscilações no mercado, bem como tendências de alta e de baixa. Desse modo, a prática trata-se de um investimento na bolsa esportiva.

O que é a Bolsa Esportiva?

A bolsa esportiva, ou também Bolsa de Apostas, é uma intermediadora de operações financeiras entre investidores especuladores e traders. Ela funciona como uma bolsa de valores em que os ganhos, bem como os prejuízos, são alterados conforme os resultados da partida.

O intercâmbio da bolsa esportiva é uma troca de cotações durante um evento.

Algumas das principais bolsas esportivas do mundo:

  • Betfair;
  • Betdaq;
  • Ladbrokes exchange;
  • Matchbook;
  • Smarkets.

Todas essas bolsas são estrangeiras, o que deixa o investidor sujeito às leis internacionais que regem essas operações.

Qual a diferença entre a Bolsa Esportiva e a Bolsa de Valores?

A bolsa de valores é o local onde se negocia ativos, como por exemplo, cotas de fundos de investimentos, ações, opções entre diversos outros. 

Já na bolsa esportiva são negociadas somente apostas sobre os resultados de um evento esportivo.

Outra diferença está no tempo de exposição. Isso porque, por exemplo, uma aplicação em um fundo de investimento pode ter rendimentos de longo prazo, enquanto na Bolsa Esportiva, a duração do investimento depende do tempo de partida.

Dessa maneira, o trader consegue obter o resultado da sua aposta, ganho ou prejuízo, dentro de algumas horas.

Como o trading esportivo funciona?

O trading esportivo funciona da seguinte maneira: a Bolsa de Apostas apresenta um jogo e os traders determinam as cotações para a partida. Essas cotações podem representar a vitória, derrota ou empate.

Além disso, o trader não precisa esperar até o final da partida. Isso porque no caso de variação da cotação durante o jogo, ele pode encerrar a sua operação e dar início a outra aposta em busca de ganhos.

Assim, o trader adquire a cotação a um preço e busca vendê-la por um valor superior. A diferença de preço nessa operação representa o lucro bruto e, retirando a comissão de onde os traders operam, se obtém o lucro líquido.

O que é lucro líquido?

Primeiramente, o lucro líquido se refere à liquidez do investimento. Essa liquidez simboliza a facilidade com que um investidor pode transformar um ativo em dinheiro, sem perder o seu valor. 

Ou seja, a liquidez representa a facilidade para resgate do investimento. Desse modo, quanto maior a liquidez de um investimento, menores são as possibilidades de perda financeira envolvendo a aplicação.

Como é a prática do trader esportivo no brasil?

O trading esportivo não é regulamentado no Brasil, isso significa que não há leis que amparem os traders que praticam esse tipo de investimento no país. Ou seja, em caso de problemas com as operações, não há órgão a quem recorrer.

No entanto, é importante destacar que o trading esportivo não é ilegal no Brasil

Isso porque a prática não se trata de um jogo de azar, mas sim de um investimento com possibilidade de retorno baseado em análises fundamentadas dos traders envolvidos na operação.

Como ser um trader esportivo?

Com a ausência da regulamentação da prática no Brasil, o Trader só pode fazer suas apostas em bolsas esportivas estrangeiras. Durante o estudo sobre em qual bolsa investir, o trader pode consultar a liquidez desses investimentos. 

Com isso, é possível conferir a posição de mercado dessas bolsas e investir com mais segurança.

Além disso, não é necessária nenhuma formação específica para se tornar um trader. No entanto, é primordial ter noções de economia e o conhecimento sobre os fatores que podem influenciar as negociações em Bolsa. 

Desse modo, o trader consegue ter um melhor gerenciamento de capital, bem como atuar com controle emocional sobre as apostas na bolsa esportiva.

Vale a pena operar o trading esportivo?

Primeiramente, vale lembrar que o trading esportivo não é regulamentado no Brasil. Ou seja, o trader fica suscetível a legislação estrangeira em caso de problemas com as operações. 

Ademais, essa negociação se trata de um investimento de capital especulativo, isso significa que ele se trata de uma aposta. Assim, pode ser considerado de risco para investidores menos experientes com negociações na Bolsa.

Além disso, pela falta de uma entidade que fiscalize e regule a prática, o trader não conta com garantia sobre o seu pagamento. Ou seja, as transações podem acontecer de forma não transparente. 

Desse modo, o trading esportivo não é recomendado para o investidor PFC (pessoa física comum).
Portanto, o ideal é que o trader esportivo esteja ciente sobre como essa modalidade de trading funciona e, desse modo, possa realizar investimentos que correspondam ao seu perfil de investidor e objetivos financeiros.

Trader esportivo é crime?

O trader esportivo não é crime no Brasil. Entretanto, a prática não é regulamentada no país. Dessa forma, não há leis que amparem os traders esportivos em caso de problemas com as operações, bem como não há órgão a quem recorrer diante de qualquer dificuldade.

O que é Lay no trader esportivo?

Lay, no trader esportivo, são as operações contra a ocorrência de um evento em uma partida esportiva, isto é, a aposta sobre a derrota do time ou a não ocorrência de um empate.

O que é Martingale no trader esportivo?

O sistema Martingale, em apostas esportivas, é uma estratégia fundamentada no princípio estatístico de que um resultado não se repetirá eternamente. Ele baseia-se em aumentar o valor das apostas após cada derrota, defendendo a ideia de que, eventualmente, o trader fará uma aposta vencedora.

Acesso rápido

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Arthur Dantas Lemos

Arthur Dantas Lemos

Especialista em Finanças Corporativas pela Fundação Getúlio Vargas. É formado pelo Programa de Profissionais do Mercado Financeiro da Bolsa de Valores de São Paulo e pelo Programa CVM de Professores para Mercado de Capitais, Avaliador de Empresas pela NACVA - National Association of Certified Valuators and Analysts (EUA). Fundou a Empreender Dinheiro para democratizar o acesso à Educação Financeira de Alto Poder Transformacional e já impactou diretamente mais de 50.000 pessoas em suas soluções educacionais.

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimos artigos